quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Espetáculo teatral LGBT de BH terá registro em livro

Loading

A peça de teatro "Projeto Maravilhas", da Plataforma Beijo, estreou em 2018 com temática LGBT e fazendo referência à Belo Horiznote história. Agora, o espetáculo teatral será registrado em livro. 

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!

A Editora Javali lança neste mês de novembro 7 livros da coleção Teatro Contemporâneo, com premiadas dramaturgias, frutos de instigantes pesquisas do teatro brasileiro. Dentre os lançamentos, está o "Projeto Maravilhas" por Marcos Coletta. O comunicado oficial da Editora diz: "Publicar teatro tem sido desbravar um caminho quase inédito, mas essencial para a construção histórica do teatro brasileiro, da memória, da teoria e dos estudos em dramaturgia no país". 

O lançamento do livro Projeto Maravilhas será no dia 24 de novembro. Os lançamentos acontecerão em formato de live com os/as dramaturgos/as entre outros convidados. Sempre às 20h, no canal do Youtube da Editora Javali.


Agenda de Lançamentos 

dia 03.11 - Conversas Com Meu Pai + Stabat Mater, uma trajetória de Janaina Leite.

dia 05.11 - moscou para principiantes, Aline Filócomo (Cia. Hiato).

dia 10.11 - OUTROS, de Marcio Abreu, Eduardo Moreira e Paulo André (Grupo Galpão).

dia 12.11 - Tropeço, de Anderson Feliciano.

dia 17.11 - Banho de Sol, Talita Braga (Zula Cia. de Teatro).

dia 19.11 - Peixes/Peces, de Ana Regis.

dia 24.11 - Projeto Maravilhas, de Marcos Coletta.


Sobre o "Projeto Maravilhas" 

O “Projeto Maravilhas” tem direção de Cláudio Dias (Cia Luna Lunera) e dramaturgia de Marcos Coletta (Quatroloscinco Teatro do Comum). A montagem parte das experiências e vivências do elenco, formado por Aisha Brunno, Bremmer Guimarães, Igor Leal e Pedro Henrique Pedrosa, pra percorrer uma cartografia dos desejos nos espaços públicos da cidade e repensar uma ideia de comunidade entre pessoas LGBTs.

Sinopse:  Corpos que habitam a cidade, entre o medo e a violência, entre o amor e a sacanagem. Sonham futuros com os olhos no presente, este que nos espreita e ameaça. É preciso estar atento e forte! Projeto Maravilhas faz um recorte contemporâneo das potências e fragilidades das homossexualidades nos espaços urbanos reais e imaginados.



Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!