quarta-feira, 21 de outubro de 2020

Papa Francisco faz declaração a favor da união civil entre homossexuais

Loading

Religião e sexualidade constantemente tem sido motivo de polêmica e discussão, mas uma declaração do Papa Francisco pode ajudar a diminuir essa tensão. 

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter

No documentário "Francesco", do diretor  Evgeny Afineevsky e que estreia nesta semana na Itália, o Papa faz a seguinte declaração: 

"As pessoas homossexuais têm direito de estar em uma família. Elas são filhas de Deus e têm direito a uma família. Ninguém deverá ser descartado ou ser infeliz por isso... o que precisamos criar é uma lei de união civil. Dessa forma eles são legalmente contemplados. Eu defendi isso" 

A história de um italiano gay também é mostrado no documentário, segundo informações do jornal La Nación. Segundo a publicação, divulgada pelo G1, tal homem tem três filhos e relata que uma vez escreveu ao papa e pediu para enviar suas crianças à paróquia, mas que tinha receio de que as crianças fossem discriminadas. O homem afirma que o Papa Francisco o incentivou a mandar os filhos à Igreja e nunca disse qual era a opinião dele sobre a família formada por pais gays. 

O documentário "Francesco" terminou de ser gravado no último mês de junho e será exibido nos Estados Unidos no próximo domingo em Savannah Film Festival. O documentário ainda  aborda temas como a pandemia, racismo e abuso sexual. Há temas geopolíticos também, como a guerra na Síria e na Ucrânia. Confira abaixo o trailer, ainda não previsão de exibição no Brasil. Aguardemos! 

 

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter