segunda-feira, 13 de abril de 2020

Gays continuam impedidos de doar sangue no Brasil

Loading

Em março divulgamos aqui no Muza que poderia ter fim no Brasil a restrição para doação de sangue de gays, bissexuais e homens que fazem sexo com homens em uma ação do Supremo Tribunal Federal (STF). Cerca de um mês após o início da revisão sobre esta questão não temos uma boa notícia. 

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter

Segundo reportagem da BBC Brasil, o Ministério da Saúde manteve a restrição: "O Ministério da Saúde informa que as regras estabelecidas na Portaria de Consolidação GM/MS n° 5, de 28/09/2016, que substitui a portaria n° 158/2016, visam, sobretudo, a segurança transfusional, permanecendo inalteradas", consta na nota recebida pela BBC News Brasil. 

Sendo assim, infelizmente, essa restrição preconceituosa continua: homens que tiveram relações sexuais com outros homens nos 12 meses anteriores à doação não podem doar sangue. Trata-se de uma portaria do Ministério da Saúde e por uma resolução da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

Enquanto o preconceito na lei continua há "um grande número de hemocentros pelo país relatar estoques baixos devido à pandemia de coronavírus... esse grupo também não pode doar plasma para pacientes infectados com covid-19, um novo tipo de tratamento que pode dar esperança de sobrevida aos doentes mais críticos", como relata também a BBC News Brasil.

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!