sexta-feira, 27 de dezembro de 2019

Conheça o projeto "Pode Me Chamar" sobre drag queens de BH

Loading


2019 está chegando ao fim, mas o Muza não vai deixar o ano acabar sem você conehcer o projeto "Pode Me Chamar", do designer Victor Hugo, que dá visibilidade às drag queens de Belo Horizonte. 

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!

O "Pode Me Chamar" se descreve como uma iniciativa de dar voz e visibilidade ao trabalho de artistas transformistas da cidade de Belo Horizonte. "Existe uma cena crescente desse tipo que não estava bem documentada e divulgada, o que abre espaço para soluções criativas utilizando metodologias de design. O projeto é uma narrativa transmídia que permeia meios físicos e digitais para contar histórias de pessoas fora do tradicional de uma maneira também fora do tradicional", explica Victor Hugo.

A série consiste em cinco episódios mostrando um pouco da realidade desses artistas. Há registros de várias drag queens de Belo Horizonte, mas os participantes entrevistados nessa primeira edição são Charlotte, Francis Glam Glam, Kaila, Stefany Leafar e o produtor e DJ da festa Eleganza, Rafa Mártir.

Victor revela que tudo começou como um projeto de conclusão de curso da sua gradução em design gráfico na UEMG. O projeto foi publicado integralmente no YouTube . Além disso, ele também compartilha partes do processo e do resultado final nas redes sociais.

Ele ainda revela que o projeto está ganhando uma boa repercussão. "O projeto tem sido bem recebido pela comunidade de BH, foi convidado para ser exibido pela Rede Minas no início do ano, exibido no Encontro Nacional de Estudantes de Design de 2019 (N Design) em São Luís do Maranhão e foi selecionado para entrar no catálogo da 13ª Bienal Brasileira de Design Gráfico".

Aperte o play abaixo e confira um pouco desse projeto super bacana, o "Pode Me Chamar". 


Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!