sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Cellos-MG publicou hoje edital do Projeto LGBTI para qualificar militantes em Minas Gerais. Saiba mais!

Loading

No ano que discussões sobre políticas públicas para a comunidade LGBTI estão mais evidentes, é de extrema importância a qualificação de militantes para a defesa dos direitos conquistados. Por conta disso, o Centro de Luta pela Livre Orientação Sexual de Minas Gerais (CELLOS-MG) divulgou hoje, sexta-feira, 18 de janeiro, o edital do Projeto Protagonismo LGBTI (acesse o edital no final da notícia). 

Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!

Até o dia 31 de janeiro, a ONG estará em busca de representantes de todas as regiões de Minas Gerais para trabalhar a formação de novas lideranças, com metodologias especializadas em advocacy. O termo se refere a uma prática política feita por uma pessoa, organização ou grupo de pressão em instituições do sistema político, com a finalidade influenciar a formulação de políticas e a alocação de recursos públicos para determinada demanda, no caso, que se refere à população LGBTI.

Após a seleção dos participantes do Projeto Protagonismo LGBTI, serão aplicados seminários divididos em duas etapas. A primeira será para a formação e a segunda para avaliação das ações desenvolvidas. Todos os processos formativos serão desenvolvidos em Belo Horizonte e o CELLOS-MG arcará com deslocamento, estadia e alimentação dos participantes durante o período. Serão 40 vagas, sendo 50% destinadas para pessoas travestis e transsexuais.

Para Bruno Alves, diretor do CELLOS-MG e coordenador do Projeto, essa ação terá ainda mais importância neste ano. “A formação dos militantes vem no mesmo momento que precisamos nos fortalecer como comunidade para nos protegermos das ameaças do Poder Executivo e de setores reacionários da nossa sociedade”, comentou. A expectativa dele é que o público LGBTI encontre pontos de apoio depois dos processos formativos.

O projeto tem a perspectiva de fortalecer a ação do movimentos, já que o Estado de Minas Gerais tem um vasto território e, por consequência, uma enorme variedade de realidades para o público LGBTI. Todas elas serão consideradas para que haja maior integração nas ações.

Financiado pela Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social de Minas Gerais (SEDESE), o Projeto Protagonismo LGBTI faz parte de uma plataforma do CELLOS-MG para investimento da formação da militância em vários aspectos.


Siga o Muza no Facebookno Instagram e no Twitter!