segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Acontece nesta terça-feira a Mostra Diversidade BH com homenagem à Cristal

Loading

Nesta terça-feira, 18 de dezembro, acontece em Belo Horizonte a 1ª Mostra Diversidade BH edição Cristal, que irá homenagear uma das personalidades LGBT mais queridas de Belo Horizonte: Crista (clique e veja um vídeo sobre ela).

No evento haverá mostra de filmes e roda de conversa. A mostra acontece via edital Cena Plural / Prefeitura de Belo Horizonte, com Produção Vôo Livre Produções. Abaixo você pode conferir informações oficiais sobre o evento e sua programação:

Sobre a Mostra
Cumprindo o papel do cinema como espaço de expressão, resistência, reflexão e debate a "Mostra Diversidade BH" tem como temática a identidade de gênero e a importância da presença de gays, travestis e trasexuais no cinema e nas artes.

Sobre a Homenageada 
A Mostra nasceu em um momento de empatia, para homenagear a Cristal Siuves ou Cristal Rainha. Figura pública e icônica de Belo Horizonte, performer desde os 16 anos, formada em moda pela Una - Instituição de Ensino, membro de dois coletivos artísticos a TODA DESEO que pauta seus trabalhos nas questões de gênero e de orientação sexual e o 
Projeto Periféricxs que pauta seus trabalhos no recorte racial relacionado com questões de gênero e orientação sexual.

Roda de Conversa
A roda terá como pauta principal a representatividade trans no cinema, a importância de ocupar as telas, o lugar de fala e as maneiras de se filmar o corpo político.

Participarão da roda, a homenageada, Cristal Siuves, Duda Salabert, Lui Rodrigues, e os diretores dos filmes que serão exibidos, Matheus Torres, Pedro Estrada, Breno Alvarenga e Ana Carolina Soares

Sobre os filmes

Mãe, precisamos conversar
Documentário, 2016, 29 min.
Direção e montagem Matheus Torres

O documentário "Mãe, precisamos conversar" é uma forma de dar espaço e voz para o público gay e transexual focando nas suas histórias, lutas e, principalmente, nas dificuldades dos relacionamentos com os pais e a busca pelo respeito. Os personagens abrem seus corações e suas vidas para as câmeras e nos deixam mergulhar em seus mundos com muita sensibilidade e emoção.

Quatro Paredes
Ficção, 2017, 17 min. 30 seg.
Direção e roteiro Pedro Estrada e Breno Alvarenga

Em uma escada de um edifício, cinco personagens experienciam momentos corriqueiros em um dia de domingo. Inconscientemente, atravessam circunstâncias peculiares de transformação, ilustrando elementos que facilmente são identificáveis nas pessoas que conhecemos, conversamos e cruzamos pelas ruas.

Estado Itinerante
Ficção, 2016, 25 min.
Direção e roteiro Ana Carolina Soares

Vivi quer escapar de uma relação opressora. Em período de experiência como cobradora de ônibus, ela trabalha desejando não voltar para casa. A semana passa rápido, entre as paradas no ponto final e o itinerário os encontros com outras cobradoras fortalecem a mulher trabalhadora e seu desejo de fuga. Logo é final de semana e o centro de Belo Horizonte já não parece tão longe do bairro Boa Vista.

Serviço
1ª Mostra Diversidade BH - Edição Cristal
Data: 18 de dezembro (terça-feira)
Horário: 19h30
Local: Museu da Imagem e do Som (Avenida Álvares Cabral, 560, Centro, Belo Horizonte)
Entrada: gratuita