segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Nesta semana o coletivo Toda Deseo estreia seu novo espetáculo teatral

Loading

Foto: @ale_hugi

A Toda Deseo estreia no dia 23 de novembro, próxima sexta-feira, em curta temporada no Galpão Cine Horto, o espetáculo Glória. A peça tem direção de Rafael Lucas Bacelar e dramaturgia de David Maurity e Idylla Silmarovi, do Coletivo As Bacurinhas.

Sinopse: Glória tornou-se nosso rito, um grito, um canto. Um trabalho sobre nossas memórias e experiências atuais no real deste nosso tempo. Uma tentativa árdua de criar outra narrativa sobre o pecado, um manifesto pela anticulpa e pela libertação dos sujeitos. Aqui, ou melhor, aí, ícones serão desmontados, representações e símbolos serão ressignificados. Não se trata de um ultraje. Nós também temos fé, uma fé enorme. Glória é o substantivo feminino que marca a nossa expressão contra um sistema de controle. Glória é um trabalho sobre a liberdade.

Em 2018, a Toda Deseo completa 5 anos e estreia seu novo espetáculo”Glória”. Glória é um trabalho sobre as memórias dos artistas e experiências atuais relacionadas à igreja (e as religiões judaico-cristãs) no real deste nosso tempo. Uma reflexão sobre a sua presença na vida das pessoas, uma vez que o Brasil é um dos países com maior número de católicos no mundo, e que o número de evangélicos cresce exponencialmente, inclusive pleiteando cargos públicos e interferindo diretamente nas decisões políticas do país. Glória é também o desejo de criar outra narrativa sobre o pecado, um manifesto pela anticulpa e pela libertação dos sujeitos.

A peça surge da inquietação dos artistas em ampliar o repertório de suas pesquisas sobre temas que giram em torno da comunidade LGBTIA, principalmente no que tange às instituições que produzem ou reproduzem opressões, preconceitos e violências. A fagulha para isso se acende no espetáculo “Nossa Senhora”, realizado em 2016, quando a companhia decide trazer para o foco, uma reflexão e crítica sobre a tradicional família, suas decepções, medos e frustrações, investigando a falta de possibilidades, a fixidez das relações e a ignorância sobre modos de vida que ultrapassam a chamada “normalidade”.

Com o “Nossa Senhora”, o coletivo dá início a sua Trilogia do Desmonte, que tem por objetivo desmistificar, desconstruir, desalinhar as “verdades” construídas por essas instituições em torno dos LGBTIA por meio do teatro e da linguagem.

Glória marca o retorno da companhia ao palco italiano, agora de maneira coletiva, já que a última empreitada nessa configuração foi com o espetáculo SER – experimento para tempos sombrios (2016) , solo do ator Rafael Lucas Bacelar, que agora dirige essa nova produção.

Ficha Técnica - “Glória”
Direção geral: Rafael Lucas Bacelar
Dramaturgia: David Maurity e Idylla Silmarovi
Colaboração dramatúrgica: Rafael Lucas Bacelar
Elenco: Akner Gustavson, David Maurity, Idylla Silmarovi e Thales Brener Ventura
Voz: Gláucia Vandeveld
Depoimentos: Avelin Buniacá Kambiwá e Pastor José Barbosa
Preparação corporal: Ronny Stevens e Thales Brener Ventura
Consultoria vocal e canto: Josi Lopes
Trilha sonora: Carou Araújo
Figurino: Flaviane Cruz Silva e Alexandra Bas
Cenografia: Vinícius Bicalho
Iluminação: Akner Gustavson e Marina Arthuzzi
Máscara e santos: Mariana Teixeira
Fotografia, criação de vídeo e arte gráfica: Alexandre Hugo
Produção: Érica Hoffmann e Ju Abreu
Colaboração de pesquisa: Marta Neves, Fernando Cardoso, Daniel Toledo e Pastor José Barbosa
Realização: Coletivo TODA DESEO
Apoio: Grupo Galpão, Galpão Cine Horto - Núcleo de pesquisa em figurino e em cenografia, GRUTA, colaboradores do financiamento coletivo/VAKINHA
Serviço
Espetáculo Glória do Coletivo Toda Deseo
Datas: 23 a 25 de novembro
Horários: Sexta e sábado às 21h | Domingo às 20h
Ingressos: R$20 reais (inteira) - pago na bilheteria do local 
Local: Galpão Cine Horto (Rua Pitangui 3613 – Horto | BH.MG)
Classificação: 18 anos