sábado, 20 de outubro de 2018

Após 8 anos é divulgada nova punição aos jovens que agrediram gay com lâmpada

Loading

Parece que foi ontem ou nem tanto tempo assim, mas foi em 2010 (!!!) que um grupo homofóbico composto na época por quatro menores e um jovem de 19 anos agrediram um gay com uma lâmpada fluorescente na cabeça na avenida paulista. 

A agressão foi destaque na mídia, sobretudo pelo vídeo que mostrava o exato momento da agressão, que causou ferimentos físicos e psicológicos na vítima. 

Fato é, após quase 8 anos depois, já que a agressão aconteceu em novembro de 2010, foi divulgada uma nova punição ao grupo agressor e homofóbico: cada agressor terá que pagar r$ 25,7 mil cada. E pasmem, segundo matéria do G1, o valor não será para a vítima e sim para um fundo estadual (como assim?!).

Após a repercussão, em 2015, o maior de idade foi condenado a 9 anos de prisão por tentativa de homicídio. Já os menores de idade na época, inclusive um que no vídeo agride com a lâmpada, cumpriram medidas socioeducativas mas já estão em liberdade. 

A sentença foi feita pela pela Secretaria de Estado da Justiça e Defesa da Cidadania após representação da Defensoria Pública de SP. Segundo relato da vítima e de testemunhas os agressores ainda gritaram frases como "suas bichas" e "você são namorados". 

A vítima do ataque homofóbico em foto de Letícia Macedo do G1