sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Pesquisa revela que homofobia é o principal preconceito assumido pelos brasileiros

Loading

A Skol teve uma iniciativa fantástica: realizou uma pesquisa, em parceria com o Ibope, para mapear o preconceito no Brasil. Isso mesmo! Intitulada de “Skol Diálogos” focou em quatro tipos de preconceito: racismo, machismo, homofobia e gordofobia.

Segundo a pesquisa (veja o resultado completo na imagem abaixo), sobre a homofobia ou LGBTfobia, destaca-se:

- A homofobia é o principal preconceito assumido, ou declarado, entre os brasileiros que se declaram preconceituosos - 29%

- a LGBTfobia está presente no cotidiano de 97% dos LGBT brasileiros.

- "Pode ser gay mas não precisa beijar em público" e "isso é coisa de viado. É viadagem" são as frases preconceituosas mais ditas vinculadas aos LGBT.

- A região norte/centro-oeste do Brasil assim como a Sudeste são as áreas em que mais são ditas frases contra LGBT, respectivamente 47% e 46%.


PESQUISA SKOL/IBOPE – Números nacionais

- Foram ouvidas 2002 pessoas com abrangência nacional entre 21 e 26 de setembro.

- Apenas 17% dos brasileiros se declaram preconceituosos.

- Dos entrevistados, 72% declaram que já fizeram pelo menos um comentário preconceituoso.

-7 entre cada 10 brasileiros já fizeram comentários preconceituosos

- 45% dos brasileiros consegue ver preconceito nos comentários feitos por alguém do seu convívio, porém metade deles não reage diante da situação. Quando existe reação, as mulheres são as que mais reagem, com 60%.

- O preconceito mais praticado, mesmo sem ser notado, é o machismo:
Machismo: 61%
Racial: 46%
LGBTQ: 44%
Gordofobia: 30%