quarta-feira, 31 de maio de 2017

Em junho tem festa Arraiá Sem Frescuras com show da Gretchen!

Loading

Preparados? Em junho a produtora @bsurda, responsável por várias festas legais em BH, vai fazer o seu Arraiá sem Frescuras, o que já seria legal por ter o bloco Garotas Solteiras será melhor ainda por ter  a presença de nada mais nada menos que... Gretchen! Isso mesmo!

“Vai ter quentão, vai ter canjica e vai ter touro mecânico. 
Vai ter comidinha típica, vai ter Berenice, Divas da Pipoca e Amendoim. 
Pra festa junina ter a nossa cara, a nossa noiva, e madrinha, será a rainha do rebolado. Gretchen vem pra nossa festa cantar, rebolar, descer até o chão e fazer aquele sururu que tanto gostamos. E porque não lembrar do nosso carnaval e trazer o bloco que mais tem a nossa cara? Garotas Solteiras volta pro nosso palco e quem sabe fazer nossa diva Gretchen dar uma sambadinha. É isso, vamos abrir a roda. Ah… pode trazer seu chapéu de palha e usar sua “bôta” e a bruzinha xadrez.

Chuva de glitter na fogueira”.

Atrações:
+ Gretchen (ao vivo)
+ Garotas Solteiras (ao vivo)
DJs: ed., Vil, Keoma, Thiago Richard e Iuri Zenone + convidados
Dress code: Viva São João
Open Pipoca

Serviço
Arraiá Sem Frescuras com Gretchen e Gatoras Solteiras
Data: 23 de junho (sexta-feira)
Horário: 22h
Local: O Mercado (Avenida Olegário Maciel, 742, Centro BH)
Ingresso:  R$15 a R$ 60 – clique aqui para comprar.

**o pagamento pode ser realizado através de cartão de crédito, débito e boleto bancário. Pagamento por boleto será aceito até 5 dias úteis antes do dia da festa. Pagamento por débito será aceito até 36 horas antes da festa.
** para pagamento na opção crédito, os ingressos podem ser parcelados em até 10x.
**todos os ingressos estão sujeitos a disponibilidade no momento da compra.
** evento para maiores de 18 anos

Em junho acontece Batalha Drag de Lip Sync e exibição de filmes em BH

Loading

No dia 14 de junho acontecerá em Belo Horizonte Batalha Drag de Lip Sync, uma competição de dublagem, durante a Mostra Corpo Político no Palácio das Artes. 

O evento acontece após exibição simultânea, no Cine Humberto Mauro e Jardim Interno, dos filmes Pink Flamingos e Wigstock. 

Quem se interessar pela disputa, deve enviar um vídeo para mostracorpopolitico@gmail.com até o dia 02 de junho. Serão oferecidas 10 vagas, sendo obrigatório estar montadx para a apresentação. O resultado será divulgado até o dia 5 de junho.

Inspirada no reality show RuPaul's Drag Race, a Batalha Drag de Lip Sync será apresentada pela drag Roque Horror, do coletivo Montarya. As competidorxs, que irão dublar músicas pré-selecionadas pela equipe da gerência do Cine Humberto Mauro, serão avaliadxs pelo Júri Especial, formado por Ed Marte, Guilherme Morais (Miss Dengue), Lu Escarbe, Vinícius Abdala e Xisto Lopes (College Queens).

O evento tem apresentação de Roque Horror (Coletivo Montarya) e conta ainda com performances da drag Nickary Aycker.


No dia 14 de junho, além da batalha, o CHM terá uma programação especial durante o dia com exibição dos sucessos 'Línguas Desatadas', de Marlon Riggs às 15h30, e 'Paris is Burning', de Jennie Livingston, às 16h30 

Serviço
Batalha Drag de Lip Sync + exibição de filmes em BH
Data: 14 de junho  (quarta-feira)
Horário: 21h30
Local: Fundação Clóvis Salgado (Avenida Afonso Pena, 1.537, Centro BH)

Sábado acontece em BH o “Arraiá da Gina”

Loading

No próximo sábado, 3 de junho, acontece em Belo Horizonte o Arraiá da Gina que avisa:

 “São João, acenda a fogueira do meu coração! Porque a do rabo já tá acesa.
Já estava com saudade de olhar a cobra? De pegar na vara *da pescaria*? Não via a hora de perder o BV na barraca do beijo? E de se lambuzar muito nas nossas barracas de comidas típicas? Chegou a época de festas juninas! E você não pode perder a mais divertida da cidade. Separa a roupa xadrez e vem pular fogueira com a gente!”


★ Lineup:
- Gina Indelicada
- Crew @bsurda
- Babi DJ (Chá da Alice/Fifty)

★ BARRACA DO BEIJO
★ Venda de comidinhas típicas

~ traje: típico junino (solte sua criatividade)
~ festa para maiores de 18 anos.
~ respeita as mana as mina e as mona

► O que toca no Arraiá?
Lady Gaga, Pabllo Vittar, MC Kevinho, Rouge, Britney Spears, Justin Bieber Rihanna, Katy Perry, Kelly Key, Anitta, Wesley Safadão, MC Delano, Fifth Harmony, Sia, Maroon 5, Major Lazer, Demi Lovato, Bonde do Tigrão, MC Kekel, É o Tchan, SpiceGirls, Backstreet boys, Disclosure, RuPaul, MØ, Taylor Swift, Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Tove Lo, Mr Catra, MC Ludmilla, Xuxa, Ke$ha, Miley Cyrus, Madonna, MC Livinho, Banda Uó, Valeska, Calvin Harris, Beyoncé, Jessie J, Tati Zaqui, Sandy e Junior, Gwen Stefani, Pussycat Dolls, Destiny's Child, Nicki Minaj, Azealia Banks, Iggy Azalea, Florence & The Machine, Nelly Furtado, Ellie Goulding, Icona Pop, Ciara, M.I.A, Ariana Grande, Jason Derulo, MC Sapão, Kanye West, Chris Brown, Usher e mais!

Serviço
Arraiá da Gina

Data: 3 de junho (sábado)
Horário: 23h
Local: O Mercado (Avenida Olegário Maciel, 742, Centro de BH)
Ingresso:  R$20 a R$25 – clique aqui para comprar

terça-feira, 30 de maio de 2017

Faculdades Milton Campos realiza a I Semana da Diversidade

Loading

As Faculdades Milton Campos promovem entre os dias 29 e 31 de maio, a I Semana da Diversidade que reunirá especialistas e militantes para palestras e painéis de debates sobre a diversidade. 

Programação

Dia 29/5 - 19h :: Auditório D da FDMC
Abertura da I Semana da Diversidade das Faculdades Milton Campos
Painel I: A diferença de ser mulher no Direito Processual Civil - Com a professora Suzana Cremasco

Dia 30/5 - 11h20 :: Auditório D da FDMC
Debate 1: O beijo gay no desenho da Disney e a exposição de crianças à diversidade | Moderadores: Professor Felipe Quintella e professora Ana Luísa de Navarro

18h :: Auditório D da FDMC
Debate 2: Educação de gênero e a cultura de dar panelinha rosa para meninas e carrinho azul para meninos | Moderadores: Professor Felipe Quintella e professora Jordhana Costa Gomes

Dia 31/5 - 8h :: Auditório D da FDMC
Painel II: A diferença de ser negra Doutora em Direito - Com a professora Maíra Neiva Gomes

Painel III: Conviver com a diversidade nos ambientes acadêmico e profissional - Com a professora Patrícia Maciel

Serviço
Campanha pela Diversidade - Faculdade Milton Campos
Datas: 29/05 até 31/05
Horário: relação acima.
Local: Faculdades Milton Campos (Rua Milton Campos, 202 Vila da Serra, Nova Lima)



Nesta quinta acontece reunião para Caminhada das Lésbicas e Bissexuais de BH

Loading

Na próxima quinta-feira, 1º de junho, acontece reunião para construção da Caminhada das Lésbicas e Bissexuais que acontece em Belo Horizonte em agosto, organizado pela Caminhada das Lésbicas e Bissexuais da Grande BH.  O convite oficial diz:

“Convidamos as mulheres lésbicas e bissexuais da grande BH para a construção da Caminhada de 2017! 
A construção, como nos outros anos, será horizontal.
Se você não conhece ninguém, mas está querendo ir, pode chegar que será bem recebida! :)
Lembrando que o evento é exclusivo para mulheres! 
Até lá!”

Serviço
Reunião de construção da Caminhada das Lésbicas e Bissexuais
Data: 1 º de junho (quinta-feira)
Horário: 18h30
Local: Centro de Referência da Juventude – CRJ (Praça da Estação, Centro, Belo Horizonte)

Sábado acontece a super festa junina Noite Maravilhosa em BH

Loading

No próximo sábado acontece a super festa junina “Noite Maravilhosa” em Belo Horizonte,produzida pro Som da Vez & Dibbra, que será Open Food e com diversas atrações que foram destaque no Carnaval de BH, como os blocos Chama o Síndico e Me Beija Que Sou Pagodeiro. Isso mesmo! O convite oficial diz: 

“Em junho vai rolar uma festança pra lá de boa!
Está chegando a hora de tirar o xadrez e a chita do armário, fazer as tranças e pintar o bigode! 
Vai ser bão demais, céu estrelado, friozinho, correio elegante, tiro ao alvo, pescaria, touro mecânico e há quem diga que até casamento de papel passado vai rolar! 
Festa junina de verdade que se preze tem que ter muita comida. Pensando nisso esse ano a nossa vai ter um open food com todas aquelas delicias juninas!
Não vai faltar aquela produção linda com dois super shows e um time arretado de DJs!
Abre a porteira, afinal, Noite Maravilhosa de verdade é aquele negócio sô, se a bota estiver atrapalhando a gente tira e se joga na pista!”


❀ ATRAÇÕES ❀

☆ JAKA & KIN (NOITE MARAVILHOSA)

CONVIDADOS: 

☆ Chama o Síndico

Originalmente um bloco de carnaval, que desde 2012 louva os mestres Jorge Ben Jor e Tim Maia pelas ruas de Belo Horizonte, o Chama o Síndico também se aventura nos palcos com uma banda de 13 integrantes e um show apoteótico. Numa cruzada rítmica samba-funk-afoxé-soul-carimbó-reggae-power, uma bateria da pesada se une a cordas, metais e um trio vocal para ecoar os sons de Tim e Ben, num repertório que une uma intensa pesquisa aos grandes sucessos dos mestres.

☆ Me Beija que eu sou Pagodeiro

Bloco eufórico-nostálgico carnavalesco que promove uma grande homenagem ao pagode anos 90 em BH que fará o público relembrar clássicos do Raça Negra, Art Popular, Katinguelê, Molejo, Soweto e outros ícones do pagode, que ganham um arranjo de bateria de escola de samba para fazer todo mundo dançar.

☆ SURF SESSIONS (DF)

Há sete anos, a banda Surf Sessions faz parte de uma nova geração de músicos de Brasília. Composta por cinco integrantes, o grupo possui grande versatilidade já que conta com três vocalistas que se alternam durante os shows. A principal referência do grupo é a surf music – uma mescla que permuta entre o reggae, ska, rock e hip-hop.

☆ DJ A (DF)

Há mais de 15 anos no comando dos toca discos, com muita técnica e bom gosto, DJ “A” se destaca em suas apresentações recheadas de scratchs e mixagens bem elaboradas, um Dj performático que esta sempre procurando a diversificação musical, mesclando o samba e a música brasileira ao Hip-Hop, Soul, Funky, e Jazz e Word Music.
Em 2016 foi o campeão nacional de um dos maiores campeonatos de Djs do mundo, o RedBull Thre3style, representando o Brasil na final mundial no Chile.

☆ DJ JAHNU 

☆ DJ DEIVID (ALTA FIDELIDADE)

Serviço
Festa Maravilhosa – Open Food e com Chama O Síndico e Me Beija Que Eu Sou Pagodeiro
Data: 3 de junho (sábado)
Horário: 22h
Local: Far East (Rua Kenedy, 47 - Jardim Canadá)
Ingressos: R$60 a R$80 – clique aqui para comprar

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Saiba como foi e quem foram as Paquidrags no Xuchá em BH

Loading

Como sabem, no último sábado aconteceu em Belo Horizonte a festa-show Xuchá, versão da já tradicional festa “Chá da Alice”, que aqui em BH ajudou um Hospital local,com a eterna rainha dos Baixinhos: Xuchá.  Entre a nostalgia da infância de muitas pessoas, um dos momentos mais gay friendly do evento foi o momento Paquidrags. 

Como já vem acontecendo em outros shows no Brasil, Xuxa faz um momento saudosista das Paquitas, mas com drag queens locais. Isso mesmo! Aqui em BH não foi diferente, como podem ver no vídeo abaixo. 

As Paquidrag´s de Belo Horizonte foram: Dolly Piercing (Pituxita), Francis Glam Glam (Chiquitita), Allexya Diamond (Paquitita), Kharen Moore (Pituxa Pastel), Farley (Miúxa), Cláudia Fux (Katuxita) e Gui Lourenzzo (Chiquita Sovertão).

Em conversa excluZiva com a Gui Lourenzzo, responsável pelos ensaios e coreografia do momento Paquidragas em BH, ela informo que foram realizados 6 ensaios e no ensaio geral tiveram a oportunidade de conhecer a Xuxa:

“Fomos selecionadas pela equipe do show. Eramos todas fãs dela, meio obvio né? (risos) mas foi único por isso. Conhecemos a Xuxa durante o ensaio geral. Ali foi nosso contato e tal, mas emocionante, porque depois tínhamos que ser bem profissionais. Ela é um doce, educada.. foi indescritível”

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Estão abertas inscrições para voluntários para a Parada do Orgulho LGBT de BH

Loading

Quer ser um voluntário na Parada do Orgulho LGBT de Belo Horizonte deste ano? Então cadastre-se, porque estão abertas as inscrições, conforme informa o Centro de Luta pela Livre Orientação Sexual de Minas Gerais (Cellos MG). A Parada este ano irá acontecer no dia 16 de julho.

Para quem quer ser voluntário, deve saber que haverá reuniões todos os sábados às 17h, preferencialmente na sede do Cellos MG, localizado na avenida Afonso Pena, 867, sala 2207, edifício Acaiaca, centro, Belo Horizonte. É importante a participação nas reuniões para capacitação em diversos temas além de apoio durante o processo de construção do maior evento de afirmação da população LGBT de Minas Gerais.

A Parada ocorrerá no dia 16 de julho. Os shows começarão às 12h, realizaremos ato de saída às 16h e desligaremos o trio no final do trajeto antes das 21h.
Os voluntários/as atuarão no período anterior à Parada, assim como durante o evento, e após. Tentaremos observar os interesses na definição das equipes.

“A história da nossa Parada se fez com muitas mãos e só se tornou esta grande festa pela diversidade graças à participação de pessoas dos mais diversos perfis, com as mais diversas histórias.Por isso, convidamos mais uma vez todas as interessadas e interessados em colaborar com a construção da Parada do Orgulho LGBT de Belo Horizonte”.

Clique aqui e inscreva-se para ser um voluntário na Parada do Orgulho LGBT de BH, um evento importante para celebrar o orgulho e o amor. 

EM TEMPO: também estão abertas as inscrições para os artistas que tenham interesse em se apresentar voluntariamente na Parada. Clique aqui e saiba mais.

Xuchá acontece neste sábado em BH e terá ingressos solidários

Loading

A eterna Rainha dos Baixinhos desembarca na capital mineira no próximo sábado (27) para agitar os “altinhos” no Xuchá, versão da já tradicional festa “Chá da Alice”. E agora, quem  quer participar da festa tem um motivo a mais para marcar presença: a solidariedade. 

Isso porque o evento aderiu ao sistema de pista solidária em prol do Hospital da Baleia, onde é possível comprar dois ingressos pelo preço de um, mediante doação de 1kg de alimento não perecível (preferencialmente café, farinha de mandioca, fubá e amido de milho), uma lata de óleo ou um litro de leite integral Longa Vida. Todo o valor arrecadado nessas vendas será revertido à instituição de saúde. 

Xuxa sobe ao palco do KM de Vantagens Hall BH (antigo BH Hall), em Belo Horizonte, para um show cheio de encanto e emoção.  Em oportunidade única, no dia 27 de maio,  ela se apresenta em uma cenografia lúdica, ao lado de paquitas e “paquitos”, com direito a muitos efeitos especiais e uma seleção musical de tirar o fôlego.  Xuxa convida o público para uma viagem por sua carreira, atravessando gerações. A festa começa às 22h e conta também com apresentação das DJs Giordanna Forte e Babi.

Os ingressos poderão ser adquiridos pela internet (www.ticketsforfun.com.br), nos pontos de venda espalhados pelo Brasil e na bilheteria do KM de Vantagens Hall BH (antigo BH Hall). O show é realizado pela TIME FOR FUN. Independente do canal de compra escolhido, a entrega do alimento é feita no dia do evento. A promoção é válida apenas para ingressos do tipo “Inteira” e não cumulativa com outras promoções ou descontos, limitada a quatro ingressos por CPF.

Sobre o Chá da Alice 

O Chá da Alice foi criado acidentalmente por dois atores em 2009 quando foram comemorar seus aniversários em uma festa temática. Na ocasião, visto o sucesso e burburinho gerado pela festa, o produtor da casa convidou-os a repetir a dose por três sábados consecutivos. Daí por diante o evento vem conquistando não só a cidade maravilhosa como o Brasil inteiro com sua irreverência e atmosfera lúdica. A festa, que permanece com a mesma essência do início, já seduziu diversas cidades além de BH, como Recife, São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Curitiba e Salvador. Queridinha dos artistas que volta e meia assumem as carrapetas, o Chá mais famoso da cidade já recebeu: Anitta,  Valesca, Ludmilla, Wanessa, Daniela Mercury, Preta Gil e Ivete Sangalo.


Serviço
Xuchá da Xuxa em Belo Horizonte  
Realização: TIME FOR FUN
Copatrocínio: Skol
Data: Sábado, 27 de maio de 2017
Horário: a partir das 22h (com apresentação de DJs)
Local: KM de Vantagens Hall BH (antigo BH Hall)– Belo Horizonte (MG)
Ingressos:  R$ 180 (3° lote)
Classificação etária:  Não será autorizada a entrada de menores de 18 anos.
Acesso para deficientes
Ar-condicionado
Venda a grupos: grupos@t4f.com.br

 - Meia-entrada: obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição de beneficiário: no ato da compra e entrada do evento (para compras na bilheteria oficial e pontos de venda físicos) / na entrada do evento (para compras via internet).

- A venda para o público em geral estará disponível a partir do dia 7 de abril.

BILHETERIA OFICIAL – SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA
BH Hall - Av. Nossa Senhora do Carmo, 230 – São Pedro.
Segundas-feiras – FECHADAS
Terças-feiras e Sábados – 12h às 20h
Domingos e feriados – 13h às 20h

LOCAL DE VENDA – COM TAXA DE CONVENIÊNCIA
Pela Internet: www.ticketsforfun.com.br 
(retirada na bilheteria e e-ticket, com taxas de conveniência).

FORMAS DE PAGAMENTO VÁLIDAS TICKETS FOR FUN
Internet:
- Cartões de crédito MasterCard, American Express, Elo Crédito, Visa, Diners Club e Hipercard.

Bilheteria e Pontos de Venda:
- Dinheiro;
- Cartões de Credito MasterCard, American Express, Elo Crédito, Visa, Diners Club e Hipercard;
- Cartões de Débito Visa Electron, MasterCard débito, Elo Débito e Hipercard.
- Vale Cultura



Peça de Teatro “Happy Hour” estará em cartaz neste final de semana

Loading


Acontece neste final de semana exibição da peça de teatro “Happy Hour”, da Mayombe Grupo de Teatro, que promove uma “tour labiríntico pelo imaginário masculino, criado socialmente entre a tradição e o cotidiano, entre micro e macro universos, entre o disfarce cômico e a violência cruel”.

Sinopse

O encontro ocasional de dois homens para um Happy Hour acaba desencadeando um duelo vicioso cercado de discursos de autoafirmação, estereótipos e conceitos pré-moldados. 
O esforço de ambos em manter a todo custo uma simbologia do “masculino”, aos poucos, evidencia como o exercício doente dessa manutenção enraíza e incita a violência. No caminho que percorrem, as piadas, as provações e as discursos pertencentes ao imaginário machista são destrinchados, enquanto os próprios personagens se revelam como exemplos dessa sociopatia. 

O crepúsculo do Macho

Com mais de duas décadas de trajetória o Mayombe Grupo de Teatro se renova e, ao mesmo tempo, reafirma sua identidade com Happy Hour.  O trabalho será o primeiro, em 22 anos, a não contar com a direção de Sara Rojo, fundadora do coletivo. 

Sara, que em 2016 dirigiu A Mulher que Andava em Círculos (solo de Marina Viana e trabalho anterior do grupo), chegou até a se envolver no processo de Happy Hour, mas assumiu uma posição de observadora quando entendeu a importância de um direcionamento masculino no texto de Éder Rodrigues. 

“Quando iniciamos os trabalhos em torno desta montagem, a única certeza que tínhamos é que pisávamos num campo minado” explica Éder. “Se a priori, trazer à tona a incorporação do machismo no imaginário social como algo naturalizado, pertencente e assustador pareceu óbvio, percebemos, durante este percurso que, na verdade, não era tão óbvio assim”. Ele, que é parceiro do Mayombe a mais de 10 anos, desta vez não assumiu apenas a dramaturgia, mas também a direção do trabalho, que divide com Sérgio Nicácio (também autor da trilha sonora do trabalho).

Em cena, Didi Vilela e Fabrício Trindade completam o núcleo artístico do espetáculo. A hegemonia masculina não é um acaso. Confirmando sua vocação política, crítica e engajada, desta vez as armas do Mayombe estão apontadas justamente para a identidade masculina e sua construção social. 
Se os discursos feministas se tornam, na atualidade, cada vez mais potentes e afirmativos, coube aos homens do Mayombe, inseridos nesse contexto, investigar seu lugar de fala, olhando corajosamente no espelho e apontando, sem indulgência, para as sociopatias machistas.

Para Éder, abordar, em Happy Hour, os temas complexos envolvendo o imaginário do “macho” exigiu um mergulho nas raízes do problema. “Percebemos que tínhamos que começar do começo. Esta peça é o nosso começo. Desvela como aquela conhecida, tradicional, familiar e amistosa piadinha de ordem machista vai sendo incorporada ao meio e vínculos, e também mostra como a linha é muito tênue entre a brincadeira circunstancial e a violência desmedida. O dedo que puxa o gatilho é apenas um. Mas o inconsciente que levanta as armas e incita ao tiro não.”  

Riscos e Urgências

Éder Rodrigues e Sérgio Nicácio são parceiros de longa data do Mayombe. Mas Fabrício e Didi também já constroem sua história ao lado do coletivo. Didi estreou com o Mayombe no espetáculo Klássico com K (2013) e Fabrício foi responsável pela assistência de direção de Sara Rojo em A mulher que Andava em Círculos (2016). 

Resultado do encontro destes artistas, Happy Hour teve um processo longo e, segundo Éder, bastante complexo: “Pensamos em desistir o tempo todo. Porém, as estatísticas crescentes em torno de pessoas dizimadas, escondidas atrás do cinismo e da hipocrisia, urgenciaram a montagem”. Depois de dois anos de trabalho, a estreia finalmente acontece no Espaço 171, local que sedia o Mayombe desde 2016. 

Happy Hour é a partilha de um problema. Dentre as diversas formas de tratá-lo, o Mayombe optou por aquela em que não se poupa, buscando tencionar os agentes de um guerra incitada diariamente. E se a violência masculina é consciente ou não, para Éder, não importa. “O sangue continua sendo derramado no chão de nossas certezas, e a arte é a nossa arma contra a barbárie”. 

Ficha Técnica
Direção: Sérgio Nicácio e Éder Rodrigues 
Assistente de Direção: Fabrício Trindade
Atores: Didi Vilela e Fabrício Trindade
Dramaturgia: Éder Rodrigues
Iluminação: Marina Arthuzzi
Trilha Sonora: Sérgio Nicácio
Vídeos: Marco Vieira 
Cenário/Direção de Arte: Lúcio Honorato
Fotografia: Tomás Artuzzi 
Designer Gráfico: Fabrício Trindade 
Assessoria de Comunicação: Felipe Cordeiro e João Santos 
Operador de luz e som: Denner Moisés
Produção: Marina Arthuzzi 

Serviço
Teatro Happy Hour
Datas e horários: 26 a 18 de maio (sexta e sábado 20h, domingo 19h).
Local: Teatro 171 (Capitão Bragança, 35, BH) 
Ingresso: R$ 20 – clique aqui para comprar




quinta-feira, 25 de maio de 2017

Peça de Teatro "Certos Rapazes - O Nosso Amor gente inventa" estreia temporada em BH

Loading


Entra em cartaz em BH, na próxima sexta-feira e segue até o dia 11 de junho, o espetáculo teatral “Certos Rapazes - O Nosso Amor gente inventa”, que retrata o encontro amoroso causal entre dois homens e suas problemáticas.

Sinopse: Gui e PH são dois rapazes de vidas completamente diferentes que se conhecem num aplicativo de relacionamentos e começam um romance. A partir daí, tudo pode acontecer nesta comédia romântica que ressalta a importância do amar em todas as suas formas.

O texto é de Júnior de Sousa e Luís Villefort; a direção Mauricio Canguçu; no elenco os atores Guilherme Neves e Gerson Marques; e a Produção Rólider Carlyle.

Serviço
Teatro Certos Rapazes - O Nosso Amor  gente inventa”
Datas e horários: De 26/05 a 11/06 ( sexta e sábado, 21h e domingos, 19h )
Local: Teatro de Bolso Sesiminas (rua Padre Marinho, 60, 30140-040 Belo Horizonte)
Ingressos: R$17,00 – clique aqui para comprar.



Neste sábado acontece o “Sábado da Pinta! Bate-papo: micropolíticas queer”

Loading

No próximo sábado, 27 de maio, acontece o “Sábado da Pinta! Bate-papo: micropolíticas queer”, organizado pela NECA (Núcleo de Experimentação Cinematográfica) e Teatro 171.

O evento contará com a a presença do performer, bailarino e diretor paulistano Marcelo D'Avilla; participação purpurinada de Guilherme Morais, idealizador da Dengue; e David Maurity da Toda Deseo e o Professor Doutor da UFMG Carlos Mendonça.

Serviço
Sábado da Pinta! Bate-papo: micropolíticas queer
Data: 27 de maio (sábado)
Horário: 15h
Local: Teatro 171 (Capitão Bragança, 35,) 
Entrada gratuita

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Estão abertas inscrições para artistas se apresentarem na Parada do Orgulho LGBT de BH

Loading

Como sabem, esse ano acontece a 20ª Parada do Orgulho LGBT de Belo Horizonte no dia 16 de julho, organizada pelo Centro de Luta Pela Livre Orientação Sexual (Cellos MG). Em razão aos preparativos desse grande evento de celebração e orgulho do amor, está aberto o Cadastro de Artistas Voluntários, que não receberão cachê, para se apresentarem na Parada. 

Segundo a organização o objetivo é “a participação de todos que de alguma forma colaboram e constroem este grande evento de visibilidade, contamos com a participação de artistas que além de de serem do meio LGBT, MILITAM, direta ou indiretamente, pela causa durante o ano, este é o norte e o critério principal para que os artistas ocupem os espaços no palco da parada”.

É necessário o cadastramento apenas do/a Artista ou do/a responsável pelo Grupo. Assim como informado no último ano o cumprimento das obrigações e acordos da última parada é critério de escolha, assim como o envolvimento e relevância da apresentação com as pautas de visibilidade, empoderamento e luta de direitos LGBT.

Para participar, o artista ou grupo deve preencher esse formulário até o dia 10 de junho! Preencha todos os campos com o máximo de informações possíveis para uma seleção mais eficiente, principalmente o link externo que demonstra seu trabalho e/ou apresentação. IMPORTANTE: Para a participação de qualquer pessoa/artista deverá possuir 18 anos de idade no mínimo.

Sábado acontece a festa-evento Mientras Dura edição Cabaret Burlesco II

Loading

No próximo sábado, 27 de maio, Mientras Dura leva o universo dos antigos cabarés ao espaço Centoequatro, trazendo performances de artistas burlescos da cena paulista e apresentações de pole dance acrobático.  

Os residentes da festa performática dividem a pista com Piti Vaccari (Argentina), ElPeche (SP), Rodrigo Cavalcanti (RJ) e integrantes dos coletivos locais MASTERp la n o, 1010 e Super Baby. 

“Já faz um ano desde que as esplendorosas barracas vitorianas foram levantadas pela última vez, mas as plumas e brilhos no ar prenunciam o retorno dos devassos corpos luxuosos. Conforme a noite avança, o salão se inunda de vedetes, suntuosas marquesas e valetes que, incansáveis, flutuam por toda parte ao som da luxúria.

No enorme luminoso reluzente já se lê: “FEIRA DAS VAIDADES”. As badaladas vindas da torre do relógio anunciam ao longe o início do baile hedonista. As grossas cortinas de veludo se abrem.

Sejam bem-vindos ao nosso segundo Cabaret Burlesco!”

LINE-UP 

» ElPeche (Sonido Trópico/SP)
» Piti Vaccari (Balkumbia/Argentina)
» Rodrigo Cavalcanti (Balkumbia/RJ)
» NIVASI
» PARAMITSHA
» OMOLOKO
» SUPOLOLO
» João Nogueira (MASTERp la n o) 
» O PA L A (SuperBABY)

PERFORMANCES 
Marquesa Amapola | Burlesco
Miss G - Giorgia Conceição | Burlesco
SETE DE OUROS - Boylesque | Burlesco
Roseane Corrêa | Pole Dance (Studio A)
Taís Daher | Pole Dance

CENOGRAFIA 
Márcio de Castro

HOSTESS 
Marquesa Amapola

FOTO E VIDEO 
Pedro Pedro
Mirela Persichini

SERVIÇO
Mientras Dura  - Cabaret Burlesco II
Data: 27 de maio (sábado)
Local: Cento e Quatro (Praça Rui Barbosa, 104 - Centro, BH)
Horário: a partir das 23h
Ingressos à venda: R$20 a R$25 - clique aqui para comprar 
Classificação: 18 anos

terça-feira, 23 de maio de 2017

IV Marcha contra a LGBTfobia em BH : mais uma vez jogaram ovo!

Loading



Texto e fotos por Valmique

No último final de semana, mais precisamente no sábado, 20 de maio, aconteceu a IV Marcha contra a LBGTfobia em Belo Horizonte. Organizada pelo pelo Centro de Luta Pela Livre Orientação Sexual de Minas Gerais (Cellos MG) com o apoio de diversas entidades (veja relação abaixo). O Muza mais uma vez esteve presente e traz relato exluZivo do evento. 

Público (ainda pequeno)

Mais uma vez a quantidade de pessoas foi bem inferior a qualquer outro evento LGBT na cidade, como um show do Pabllo Vittar ou Lia Clark, por exemplo, ou mesmo da alguma drag queen do RuPaul´s Drag Race na cidade. Sim! São poucos os que colocam a cara no sol e sabem que lutar pelos direitos LGBT vai além de post legais nas redes sociais. 

Mesmo assim, uma esperança surge: o número de participantes aumentou em comparação ao ano anterior e, assim, algumas novas pessoas, novas de idade mesmo, estavam lá primeira vez, com seus 20 e poucos anos, recém-ingressados na faculdade. 

Sim! Jogaram ovo nos manifestantes

Para quem acha que a Marcha não é necessária, justamente uma dessas novas pessoas na Marcha foi atingida por um ovo. Isso mesmo! Jogaram um ovo pela janela de um dos prédios do centro na Marcha, na altura da avenida Augusto de Lima com São Paulo. 

E não fique surpreso: ano passado também jogaram, mas não acertou niguém. Já esse ano...

A manifestante vítima me disse “tacaram um ovo em mim”. Não! Não minha querida, tacaram um ovo em nós, e se atingiram você, atingiu a todos nós. E se doeu em você, como você me disse que doeu, doeu em todos nós, inclusive, naquele que não teve a sua coragem e engajamento de vir à Manifestação. 




Trajeto e abraço simbólico

A Marcha, como no ano anterior, se concentrou na Praça 7 a partir das 14h, e seguiu, por volta das 16h, algumas das principais ruas e avenidas da cidade: a avenida Afonso Pena, subiu a rua da Bahia, pegou a Augusto de Lima, e encerrou na Praça Raul Soares, com um grande abraço em torno no chafariz central. Um belo e inspirador momento! 

A Marcha é um símbolo de resistência e visibilidade, assim como a Parada do Orgulho LGBT, mas um pouco mais sóbria, afinal, não tem música, apenas gritos de guerra e discursos como “Nós vamos quebrar o armário, somos LGBT revolucionários” e “Eu beijo homem, eu beijo mulher, eu beijo quem eu quiser”. 




Entidades apoiadoras da IV Marcha Contra a LGBTfobia:

* Artistas Diversos
* Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT)
* CELLOS-MG
* CELLOS Contagem
* Coletivo MOOCA
* Coletivo Vulva
* Conlutas
* Conselho Regional de Psicologia da 4ª região
* Frente Autônoma LGBT
* Igreja da Comunidade Metropolitana
* Levante Popular da Juventude
* Rede de Mulheres Lésbicas e Bissexuais de Minas Gerais
* Sindess
* Transvest
* UNA-se contra a LGBTfobia
* UNA LGBT

História

17 de maio é considerado o Dia Internacional Contra a Homofobia, 17 de maio. A data lembra o dia em que a homossexualidade foi excluída da Classificação Internacional de Doenças da Organização Mundial da Saúde - até então era considerada transtorno mental.