segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Nova campanha contra Aids no Brasil mostra casais gays, transexual e medicamento para uso após transar sem camisinha

Loading


A nova campanha de prevenção à aids do Ministério da Saúde intitulada “Aids. Escolha sua forma de prevenção” (com direito a casais gays tanto no vídeo oficial quanto nas imagens oficiais. Nas imagens, também há uma transexual), tem foco nas diversas formas de prevenção com destaque para o uso da camisinha – claro – e a grande novidade: PEP – Medicação pós exposição ao HIV, que deve ser tomada até 72 horas após a transa. 

A Campanha é baseada na abordagem da prevenção combinada, que consiste em informar as pessoas sobre as várias formas de prevenção e oferecer a elas a possibilidade de escolher e combinar as formas de prevenção que melhor se adeque as suas necessidades ou características.

A prevenção combinada engloba oito formas de prevenção, que devem ser escolhidas e combinadas por cada pessoa, de acordo com cada situação vivida. São elas: 
- Preservativo Masculino e Feminino
- Redução de Danos (não compartilhamento de objetos perfuro cortantes)
- Testagem regular de HIV
- Exame de HIV e outras DSTs no pré-natal
- Profilaxia Pré-Exposição (PrEP)
- Profilaxia Pós-Exposição (PEP)
- Diagnosticar e tratar outras IST
- Tratamento para todas as pessoas

Desenvolvida pela agência de publicidade Propeg, a campanha é constituída por dois filmes, um de 90 segundos - para as redes sociais - e um de 30 segundos para as TV abertas; 01 spot de rádio; cartazes voltados para gestantes, casal homoafetivo, heterossexuais e mulheres trans. 

O público-alvo prioritário da campanha são os jovens. Atualmente uma das populações-chave para a infecção pelo HIV. Por isso, a linguagem simples e leve, de fácil entendimento. Para saber mais: www.aids.gov.br