sexta-feira, 22 de julho de 2016

Filme “Mãe Só Há Uma”, que aborda identidade de gênero, estreia em BH

Loading


Está em cartaz em BH o filme “Mãe Só Há Uma”. Com direção de Anna Muylaerte, mesma diretora do elogiado “Que Horas Ela Volta?”, o filme aborda a questão da identidade de gênero por meio do personagem Pierre, papel do ator Naomi Nero. Na página oficial do filme no Facebook diz sobre o personagem: “Ele beija meninas. Ele beija meninos. Ele usa calça. Ele usa vestido. Ninguém tem nada a ver com isso.”

O filme foi premiado este ano no Festival de Berlim – Mostra Panorama com o prêmio Teddy Award, nome dado à mostra independente da Berlinale voltada às produções com temática LGBT. O prêmio recebido pelo longa brasileira foi o concedido pela revista alemã Männer.

Abaixo, você pode ver a sinopse e trailer do filme. Além do horário que ele está sendo exibido em BH no espaço Cento e Quatro. 

Sinopse: Após denúncia anônima, o adolescente Pierre é obrigado a fazer um teste de DNA. Ele descobre que foi roubado da maternidade e que a mulher que o criou não é sua mãe biológica. Após a revelação o garoto é obrigado a trocar de família, de nome, de casa, de escola, tudo isso em meio às descobertas da juventude.


Serviço
Filme “Mãe Só Há Uma”
Sessão: 19h
Cinema:  Cento e Quatro (Praça Ruy Barbosa 104 - Centro )

Abaixo, você pode ver uma do canal do YouTube Cinemi no qual entrevista diretora e elenco sobre as questões LGBT abordadas no filme.