segunda-feira, 27 de junho de 2016

Papa Francisco diz que Igreja deve pedir desculpas aos gays

Loading


Sinal de mudanças? O Papa Francisco declarou no último domingo, 27 de junho, que a Igreja Católica deve pedir desculpas aos gays. A declaração foi feita durante um voo da Armênia para Roma com a presença de diversos jornalistas.  

Durante esse formato de conversa, que tem virado marca do atual Papa, ele foi questionado  por uma repórter, conforme divulgado pelo Estadão,  se  a recente declaração de um cardeal alemão de que a Igreja deveria pedir desculpas aos gays era em razão a recente tragédia na boate gay em Orlando. Triste, o Papa Francisco declarou: 

"Acho que a Igreja não deve apenas pedir desculpas a uma pessoa gay a quem ofendeu, mas também deve pedir desculpas aos pobres, bem como às mulheres que foram exploradas, às crianças que foram exploradas por trabalho (forçado)", acrescentou. "Deve pedir desculpas por ter abençoado tantas armas" 

O Papa Francisco ainda declarou que os  homossexuais "não devem ser discriminados. Eles devem ser respeitados, acompanhados pastoralmente".