segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Programa Amor e Sexo estreia nova temporada destacando o universo das Drag Queens

Loading

A estreia da nova temporada do Amor & Sexo foi o mai gay friendly possível. Afinal foram vários os momentos LGBTexibidos, sente a vibe da “lista”:

- Beijo gay e lésbico no palco

- Uma discussão sem pudor sobre o envio de nudes

- os atores José Loreto e Otaviano Costa dançando com salto alto ao som de Beyoncé (estilo de dança conhecido como Stiletto).

- A estreia da drag queen Pabllo Vittar como vocalista oficial da banda do programa, que ahazo no garganta; 

Mas mesmo com os ótimos momentos listados acima, o universo drag queen foi o destaque. Afinal, além da presença de Pabllo Vittar na equipe, estreou também um novo quadro no qual homens héteros irão se transformar em drag queens:

Chamado Bishow. Na competição, os bofes Cláudio Lima, Fred Ostritz e Gregory Combat enfrentam o desafio glamoroso de se transformar em drag queens. Para isso, contam com a ajuda das madrinhas drags Aretuza Lovi, Gloria Groove e Sarah Mitch, além de Lorelay Fox, que é consultora e entende tudo sobre o tema. Os bofes tiveram inclusive de “aquendar (guardar) a neca”. Isso mesmo!

Para apresentar o quadro, Lorelay Fox ensinou para Fernanda Lima, os presentes o público em casa a diferença entre drag queen e transexual, o que foi pura utilidade pública:

“Convivendo e se abrindo para as diferenças, aprendemos a gostar e ver que não existe um mundo tão diferente... Gênero é como você se identifica, como homem ou como mulher. Existem pessoas que estão entre os gêneros também. Não é o que seu corpo diz, mas o que a sua mente e coração dizem a respeito de você” - Lorelay Fox

Mais uma vez o programa Amor e Sexo contribui para que as questões LGBT sejam dismistificadas com leveza e humor. Ponto para Fernanda Lima e equipe ;)