segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Pesquisa revela quais religiões mais aceitam e discriminam homossexuais

Loading

Há séculos, parte das religiões apresentam um posicionamento negativo em relação à sexualidade humana. Por meio de escritos considerados sagrados pelos religiosos, a relação sexual sempre foi defendida e aceitada para fins de procriação, não para o prazer ou o sentimento que une dois seres. Infelizmente, embora tenham ocorrido mudanças significativas à respeito da aceitação dos homossexuais na sociedade, parte dessas tradições continuam ainda, frequentemente, a influenciar algumas religiões.

Uma pesquisa divulgada, recentemente, pelo Pew Research Center apontou que os católicos são os que mais aceitam os homossexuais. Em contrapartida, os evangélicos e as testemunhas de Jeová aparecem como mais intolerantes. 

A pesquisa mostrou também que, embora a passos lentos, todas as religiões demonstraram progressos em relação à aceitação dos homossexuais. Os Mormóns apresentam a maior evolução, mesmo que ocupe a penúltima posição no ranking. 

É importante lembrar que, por ser uma pesquisa realizada no exterior, ela não incluiu várias religiões disseminadas no Brasil, como o candomblé.

Abaixo, você pode ver o gráfico obtido com a pesquisa.