sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Ministério da Saúde lança campanha com foco nas mulheres lésbicas e bissexuais

Loading


O Ministério da Saúde (MS) mais uma vez surpreende e lança uma campanha direcionada a um grupo dentro dos LGBT: as mulheres lésbicas e bissexuais. “Por quê? Pra quê?” A resposta é está nas informações abaixo, divulgadas no site oficial, após o lançamento da Campanha que aconteceu essa semana. Aliás, o lançamento da campanha esta semana aconteceu em alusão ao Dia Nacional da Visibilidade Lésbica, celebrado em 29 de agosto.

1 - “Mais de 68 mil mulheres, entre 10 e 60 anos, sofreram violências no ano de 2014. As mulheres lésbicas e bissexuais, além da violência que as afeta simplesmente por serem mulheres, também são alvo de violência por homofobia, lesbofobia e bifobia. É importante ressaltar que essas políticas de equidade reafirmam e colocam em outro patamar o debate da saúde como um direito”, disse Rogério Carvalho, secretário da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP) do MS.

2 - Uma das queixas mais recorrentes feitas por usuárias lésbicas e bissexuais nos serviços de saúde diz respeito à crença de que, por não manterem relações sexuais com homens, estas mulheres possam estar menos propensas a doenças como cânceres de mama e colo de útero, o que pode fazer com que a prevenção dessas doenças seja negligenciada. "Nossa prática sexual não pode ser alvo de discriminação e de ‘desatendimento’”, disse a conselheira nacional de saúde, Verônica Lourenço.

A campanha oferece informações para que os trabalhadores e profissionais de saúde possam prestar atendimento qualificado e que considere as necessidades específicas desta população, de modo que ela se sinta acolhida nos serviços de saúde. Além de ações nas mídias sociais, serão distribuídos 100 mil cartazes para secretarias de saúde e 20 mil folders destinados aos movimentos sociais, Comitês Estaduais e Municipais de Saúde das Populações de Gays Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT). Todas as informações estão disponíveis no site www.saude.gov.br/saudelgbt.

A campanha sobre a saúde integral das mulheres lésbicas e bissexuais é uma ação do MS feita em parceria com as Secretarias de Políticas para as Mulheres (SPM) e de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH).

Para reforçar esse momento firendly a página do Ministério da Saúde no Facebook está com uma bandeira do arco-íris ao fundo. Muito amor! <3 font="">