segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Dolce & Gabbana pediram desculpas por criticar filhos de casais homossexuais

Loading

Para a decepção de muitos os estilistas Domenico Dolce e Stefano Gabanna, responsáveis pela grife Dolce & Gabbana, no início do ano deram declarações lamentáveis criticando crianças criadas por casais homossexuais e ou mesmo geradas por meio de inseminação a rtificial. Eles chegaram a dizer que “a única família é a tradicional” e chamaram tais crianças de “bebês sintéticos”.

Na época, Elton John, Vicktoria Beckham, Ricky Martin e Madonna chegaram a criticar os estilistas. Meses depois, em entrevista a revista Vogue eles pediram desculpas pelas declarações, pela primeira vez:

“Eu fiz uma busca em minha alma... eu falei muito com Stefano sobre isso. Eu percebi que minhas palavras foram inapropriadas e eu peço desculpas. Elas são apenas crianças. Você não precisa rotulá-las.. eu acho que todos escolhem por si mesmo. Eu não sei tudo sobre inseminação artificial, mas eu amo quando as pessoas estão felizes é como medicina. Ciencia está fazendo o melhor para ajudar as pessoas”.

O casal ainda lembrou que em 1999 eles deram uma entrevista revelando que eram gays. 

“Nós realizamos nossa primeira entrevista dizendo que eramos gay, em 1999... nós vivíamos juntos, e nós falamos sobre amor e não necessariamente sexo e ser gay. E isso foi notícia nas tvs italianas. Mas pra gente, era normal... quem precisa de uma instituição para nos dizer como devemos amar? Nós não devemos regredir. Nós precisamos entender e aceitar todos”.