sexta-feira, 3 de julho de 2015

Saiba porque hoje é o dia do "mutirão da bandeira trans" nas redes sociais

Loading

Essa sexta-feira, 3 de julho, está sendo utilizada nas redes sociais, sobretudo Facebook, uma mudança na foto do perfil das pessoas com um efeito de bandeira rosa, semelhante ao que aconteceu com o efeito arco-íris que aconteceu com a legalização do casamento gay dos Estados Unidos.

A ideia surgiu por uma mulher transexual, de 27 anos, da Filadélfia, chamada Jessica Oros. Ela desenvolveu o aplicativo para gerar o efeito nas fotos, aproveitando o momento em que diversas pessoas do mundo mostraram-se contentes com a recente conquista da cidadania LGBT.

E por quê essa bandeira trans? O evento criado no Facebook explica melhor: “Só nesse mês foram 8 pessoas trans assassinadas brutalmente pelo motivo exclusivo de serem quem são. O Brasil é o 1o lugar no Ranking de assassinatos de pessoas trans e mudando sua foto, vc vai mostrar que é contra esse tipo de crime e é contra a transfobia de modo geral”.

A internauta Flávia Durante, também escreveu, de uma maneira muito simples, direta e explicativa sobre 

Hoje é o dia do mutirão da bandeira trans

Alguns tristes dados sobre pessoas trans no Brasil:

* Só em junho/2015 8 pessoas trans foram assassinadas brutalmente pelo motivo exclusivo de serem quem são.

* O Brasil é o 1º lugar no ranking de assassinatos de pessoas trans.

* 50% de todos os casos de assassinatos de pessoas trans no mundo ocorrem no Brasil, segundo dados do GGB publicados pela transrespect-transphobia.org

* A expectativa de vida de pessoas trans é de 35 anos, frente à média de 74,9 anos dos demais brasileiros (IBGE, 2013).

Se você é trans ou aliada/aliado, mude hoje sua foto de perfil com a bandeira trans. Segue o app pra deixar sua foto com a bandeira: 

http://messica.codes/transflag Mas ele não posta no Facebook como o outro, tem que salvar no PC e depois postar como foto de profile.

A própria Jessica Oros também escreveu um texto no qual explicar melhor suas motivações e você pode ler na íntegra, abaixo:

Quando comecei a desenvolver o app na última sexta-feira, não esperava que crescesse desta forma, nem mesmo pensei que alcançaria lugares para além dos E.U.A. Esse pensamento foi honestamente bem ingênuo da minha parte e eu gostaria de me desculpar oficialmente por qualquer inconveniência que isso possa ter causado para vocês ao tentarem compartilhar o app e espalharem “a palavra” pelo planeta... Desde então, eu adicionei uma tradução para todos, mas, por favor, me informem se houver algo mais que eu possa fazer para tornar as coisas mais fáceis para quem não fala inglês.

Eu basicamente comecei o app em resposta a todas as bandeiras LGBT no Facebook sendo compartilhadas por pessoas cisgênero (cisgênero significa não-transgênero... Não tenho certeza se o termo é usado fora dos E.U.A., então gostaria de esclarecer). De qualquer forma, eu notei todas essas pessoas apoiando o casamento igualitário, que não fazem ideia de que mulheres trans “de cor” foram as responsáveis por começar o movimento LGBT (pelo menos nos E.U.A.; não quero falar por outros países que não conheço), em primeiro lugar, e não tem conhecimento de toda a violência e opressão que pessoas trans enfrentam constantemente. Eu percebi que as coisas são muito piores ao redor do mundo, mas eu já fui atacada e fiquei sem teto por um tempo, então estou familiarizada com a violência. A transfobia está em todos os lugares.

De qualquer forma, aqui está minha declaração oficial sobre a questão, que publiquei alguns dias atrás
- http://messicaaaa.tumblr.com/…/transgender-pride-photo-filt…

Logo que comecei a traduzir tweets e artigos eu notei que havia uma ação acontecendo, tendo como centro a bandeira trans aplicada às fotos de perfis, e eu queria me manifestar e me envolver nisso. Farei o meu melhor para espalhar a questão pelos E.U.A. hoje e pelo final de semana, e vou postar algo e linkar na página mais tarde, assim que tiver tempo. Se qualquer um dos organizadores quiser entrar em contato e tentar enviar a mensagem para falantes de inglês e para pessoas ao redor do mundo, eu adoraria compartilhar e deixar o link no meu site. Vou começar mudando a foto de Jennicet Gutiérrez pela de Laura Vermont em solidariedade às pessoas do Brasil.

Finalmente, gostaria de agradecer a Patricia Castro e a TODOS que compartilharam e me apoiaram desde o primeiro dia. Eu criei o aplicativo como uma ferramenta para espalhar amor, consciência e para promover uma ação imediata para dar fim à violência contra pessoas trans, em especial mulheres trans negras, HOJE. E parece que as coisas alçaram vôo e é exatamente o que está acontecendo.

EU OS AMO MUITO. PERMANEÇAM FORTES, NÓS VAMOS MUDAR O MUNDO! NÓS SOMOS A REVOLUÇÃO!

Um beijo pras Travestis,
Jessica

Se você está vendo apenas agora, no final de sexta-feira, ou mesmo no sábado ou domingo... não tem problema, a demonstração de apoio é um incentivo para que mudanças possam acontecer.