terça-feira, 28 de abril de 2015

Projeto “We Are The Same #2” traz fotos inspiradoras à causa LGBT

Loading

A luta contra o preconceito e a homofobia é uma tarefa árdua a ser enfrentada diariamente. Pensando nisso, o projeto “We Are The Same” apresenta seu segundo ensaio fotográfico com uma produção mais andrógena e com um olhar especialmente leve.

Dessa vez o fotógrafo – e colaborador querido do MuzaDiego Moreira recrutou o ex-soldado Francisco Rafael, hoje bailarino, para mostrar sua transição das forças armadas às sapatilhas.
Confira abaixo algumas das imagens. Para ver o ensaio completo clique aqui:



A ideia inicial do “We Are The Same” era retratarà casais gays, como mostramos aqui no primeiro ensaio. Porém Moreira se explica: “conforme vou conhecendo histórias e personagens, não me limito em deixar que a criatividade possa me conduzir a caminhos diferentes conservando o pilar do projeto”.

E o Muza te conta, em primeira mão, os próximos passos do fotógrafo: já existe um novo ensaio temático programado para o inicio de maio com um casal de meninas. Dúvidas de que será um  sucesso? Nós não!

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Dançarino de Lady Gaga fará workshop de dança em BH

Loading


A agência de produção cultural “Bastidores” traz a Belo Horizonte o workshop de danças urbanas e hip hop, ministrado por Ian Mackenzie, que trabalha com a cantora Lady Gaga há sete anos, desde o início da carreira dela. 

O workshop acontecerá nos dias 15 e 16 de maio, na academia A2 Artur Assunção, no bairro Luxemburgo. O evento será divido em 3 aulas, cada uma limitada a 30 alunos. O valor do convite é R$ 85,00 (oitenta e cinco reais) por aula ou R$ 200,00 (duzentos reais) o passaporte, que dará direito ao aluno participar de todas as aulas. Os convites poderão ser adquiridos online pelo site (www.sympla.com.br).

Sobre Ian e Gaga 

Durante esse tempo Ian já realizou junto com a cantora quatro turnês mundiais, premiações como Video Music Awards, American Music Awards, Grammy, MTV Europe Music Awards e videoclipes. Ele começou a dançar em Boston, no estúdio de dança Phunk Phenomenon, após o colegial. Treinou em Nova York por alguns anos e estudou todos os tipos de dança, para avançar em seu ofício.

Ian esteve na cidade de São Paulo e do Rio de Janeiro em novembro de 2013, em turnê com a “Born This Way Ball” da cantora Lady Gaga, e retornará ao país para realizar pela primeira vez um workshop de dança.

Programação do Workshop em BH 
Sexta (15/05) 19h. Master Class
Sábado (16/05) 15h. Master class 17h. Master class





PUC Minas e UNA asseguram uso de nome social para estudantes travestis e transexuais

Loading

Este mês de abril tem sido significativo para cidadania LGBT em Belo Horizonte e Minas Gerais. Tanto a PUC Minas quanto o Centro Universitário UNA divulgaram resoluções garantindo o uso do nome social para estudantes transexuais e travestis.

Na última sexta-feira, 24 de abril, o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Una acaba de aprovar, agora à tarde, uma resolução que assegura o uso do nome social para alunos e alunas travestis e transexuais da UNA.

Já no início do mês, foi a PUC Minas quem divulgou tal resolução. Abaixo, segue o decreto na íntegra, porque vale a pena dar uma lida ;)

A PUC Minas, atendendo à Resolução nº 12/2015, do Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (CNCD/LGBT), órgão da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, publicou recentemente a Portaria 21/2015 que disciplina a adoção do nome social por integrantes da comunidade acadêmica que o solicitarem, ao fundamento de que a sua identidade civil não reflete adequadamente a sua identidade de gênero. A portaria entrou em vigor no dia 30 de março.

De acordo com a portaria, entende-se como nome social o modo como a pessoa é reconhecida, identificada e denominada na sua comunidade e no meio social. 

A Resolução do CNCD/LGBT estabelece parâmetros para a garantia das condições de acesso e permanência de pessoas travestis e transexuais – e todas aquelas que tenham sua identidade de gênero não reconhecida em diferentes espaços sociais – nos sistemas e instituições de ensino, formulando orientações quanto ao reconhecimento institucional da identidade de gênero e sua operacionalização. 


domingo, 26 de abril de 2015

Veja fotos excluZivas do show da Ana Carolina em Belo Horizonte!

Loading


Como sabem, na noite de ontem Ana Carolina fez mais um showzaço em Belo Horizonte. Desta vez, o repertório foi pautado no seu mais recente lançamento: o cd/dvd/blu ray #AC Ao Vivo, baseado no seu último disco de inéditas, o #AC.  Acima e abaixo, você pode ver alguns registros fotográficos excluZivos para o Muza, feito pelo nosso querido fotógrafo colaborador Diego Moreira.  

Clique aqui e veja mais fotos!


sábado, 25 de abril de 2015

Hoje tem show da Ana Carolina em Belo Horizonte

Loading

Hoje a cantora Ana Carolina fará show em Belo Horizonte. O espetáculo tem foco no lançamento de seu mais novo DVD: “#AC Ao Vivo”, show que foi gravado em São Paulo em outurbro de 2014 e divulgou seu álbum mais recente de mesmo nome.

O show “#AC” é de concepção da própria cantora, com direção de Monique Gardenberg, que volta a trabalhar com Ana depois de tê-la dirigido no show “Dois Quartos” e nos DVDs “Estampado” e “9 + 1”.  e conta com inserções de vídeos que tiveram a edição e direção de Ana Carolina e filmagens de Monique Gardenberg, especialmente criados para o espetáculo. Para o tango eletrônico “Mais forte”, por exemplo, Monique trouxe da Argentina uma dupla de renomados dançarinos de tango, Ollantay Rojas e Lisandro Eberle, e uma filmagem da dupla passa nos telões do show.

A sonoridade também ganhou uma nova roupagem, com diversas interferências de beats, samplers, scratchs e vinhetas, além da utilização de instrumentos tecnológicos. O setlist mistura canções de seu último álbum, “#AC”, com versões novas de antigos sucessos de todas as fases dos mais de 15 anos de carreira da cantora. Além disso, o novo show conta também com três novidades: “Fire”, de Bruce Springsteen; uma versão bem-humorada para a música “Periguete”, de MC Papo, como mash-up com “Você não vale nada”,hit do grupo Calcinha Preta, composto por Dorgival Dantas; e uma nova e aplaudida versão de “Coração Selvagem” de Belchior.

No palco, Ana Carolina está acompanhada de uma banda formada por Pedro Baby, na guitarra, Edu Krieger, no baixo, Carlos Trilha, nos teclados, e Leo Reis, na bateria e percussão. Além disso, o DJ Mikael Mutti, que já trabalhou com John Legend e Stevie Wonder, completa o elenco de “#AC”.

Ingressos

Ainha há ingressos disponíveis, como mostra a relação abaixo. Os ingressos estarão disponíveis para compra pela internet (www.ticketsforfun.com.br), na bilheteria do Chevrolet Hall e nos demais pontos de venda 
MESA

1º LOTE: R$ 720,00

PISTA/ARQUIBANCADA

1º LOTE: (esgotado)
2º LOTE: R$ 120,00 (inteira) R$ 60,00 (½ entrada)
3º LOTE: R$ 150,00 (inteira) R$ 75,00 (½ entrada)

Abaixo, o registro ao vivo dessa turnê da música “Coração Selvagem”.


 Por Valmique 

Atenção! Alterado o local da festa Alegria Circus Open Air

Loading

Como sabem, hoje, sábado, 25 de abril, acontece mais uma edição da super festa The Explosion of ALEGRIA Circus open air, com produção da DM Entretenimento responsável pelas já tradicionais e badaladas festas “White Emotion” e “Black Stravaganza”. Mas por questões de instabilidade do tempo e previsão de chuva o local foi alterado. Abaixo, o comunicado oficial:

Devido a instabilidade do tempo e a previsão de chuva intensa durante o dia e a noite de sábado em Belo Horizonte, a festa ALEGRIA CIRCUS OPEN AIR mudou de local para melhor atende-lo. Estamos montando uma festa maravilhosa para vocês com o mesmo padrão de qualidade. No line Tommy Love, Laurize, André Garça, Allan Natal, dancer, produção visual, iluminação, som, led, laser e muito mais...

A CADA INGRESSO (PISTA) COMPRADO COM ANTECIPADO DA O DIREITO A UM ACOMPANHANTE OFF.

Esperamos vocês para curtirem com a gente essa Alegria! 
Contamos com a compreensão de todos!

PS: O WARM UP E O AFTER POOL PARTY ALEGRIA SERAO NO MESMO LUGAR ANUNCIADO ANTERIORMENTE!

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Travesti conhecida na cena gay de BH é assassinada

Loading


No último final de semana, mais uma travesti foi assinada em Belo Horizonte. Para o espanto e tristeza de muitos trata-se de uma travesti conhecida por muitos nas boates gays de Belo Horizonte: Mikal Brithman.

Segundo o boletim de ocorrência, divulgado em notícia do Estado de Minas,  por volta de 3h, um táxi estacionou em uma rua do bairro Lagoinha. A travesti foi empurrada do carro, um Corsa. Três homens desceram do veículo perguntando o nome da travesti e um deles a executou com vários tiros. Os suspeitos fugiram sem deixar pistas.

Além de retratar uma triste realidade das travestis de Belo Horizonte e Brasil como um todo, a indignação e tristeza de quem a conhecia tomou conta das redes sociais. 

Mikal comWalkiria La Roche

Na página pesssoal de Mikal no Facebook, a amiga Kristian Neves, escreveu: “Infelizmente o mundo gay virou um inferno por causa das drogas, hoje a ficha caiu para mim como um tristeza sem fim, estou realmente triste com essa notícia. Ao ver uma notícia no site do Estado de Minas, liguei imediatamente para ver se ela estava bem, e quem atende o telefone é alguém da polícia para passar a notícia que foi ela a vítima”.

Ao saber da morte de Mikal, a personalidade belo horizontina Walkira La Roche escreveu também na rede social: “LUTO! Ainda sem palavras para expressar o que sinto... 
Se eu escrevesse um livro, você Mikal Brithman figuraria em inúmeras páginas !”.

O sepultamento da Mikal aconteceu hoje, quinta-feira, 23 de abril, as 14Hs no cemitério da paz em BH, não haverá velório! 


segunda-feira, 20 de abril de 2015

Foto de casal "diferente" chama a atenção na web e revela preconceitos do mundo gay

Loading

A foto desse casal tem se destacado na web e gerado os mais diversos comentários e manifestações, sobretudo no mundo gay. Do preconceito até a "esperança no amor". Mas no geral, revelam discriminações em relação a raça, etnia e aparência física ao mesmo tempo que valoriza o estereótipo de beleza padrão do senso comum ocidental. "Opostos se atraem"? O que seriam esses opostos? E o amor? Tudo se resume a questões físicas e estéticas?

O que você acha?

Na imagem, o diretor criativo thailandes Naparuj Mond Kaendi e seu namorado alemão Thorsten Mid de mãos dadas no metro Sky Train Bangkok, segundo informou o tumblr Black For Black.

Abaixo, uma imagem com diversas "opiniões" sobre o casal.



 por Valmique

Revelado personagem gay no jogo Mortal Kombat X

Loading


Nos últimos dias, o último lançamento de um dos jogos mais clássicos de vídeo games de todos os tempos tem chamado atenção na mídia: Mortal Kombat X. O novo jogo da franquia é destaque não apenas pela infame dublagem da cantora Pitty para a personagem Cassie Cage, mas também por de uma maneira sutil o personagem Kung Jin, descendente de Kung Lao, dar a entender que é gay.

Como podem ver no vídeo abaixo, mais precisamente a partir de 11 minutos e 20 segundos, em um diálogo com Raiden o lutador Kung Jin sugere sua homossexualidade ao ser convidado para entrar na academia de Wu Shi, dos Shaolin:

“Eu não posso, eles não iriam me aceitar” - Kung Jin. 

“Eles só se importam com o que existe no seu coração. Não com quem seu coração deseja” - Raiden

Para quem ainda ficou na dúvida, o diretor de animação do jogo escreveu no twitter: 

“Eu vejo que as pessoas estão pegando a dica sutil contida no flashback de Kung Jin. Ainda bem que temos fãs atentos”

O jogo Mortal Kombat X encontra-se disponível no Brasil para Playstation 4, Xbox One e PC. 




 por Valmique


domingo, 19 de abril de 2015

Livro “Tenho Dois Papais” deve ser lançado no Brasil e você pode ajudar

Loading


Pode ser lançado no Brasil o livro “Tenho Dois Papais”, da mineira Bela Bordeaux, indicado para crianças de 3 a 6 anos que retrata a história de uma criança adotada por um casal homossexual. 

A possibilidade do lançamento depende, justamente, dos recursos financeiros que envolvem o mesmo. Para tanto, a autora por meio do Catarse, site de financiamento coletivo, está precisando de R$ 22.450, mas até o momento o valor arrecadado está próximo de R$ 7.000.

O livro foi desenvolvido por Bela como um projeto de conclusão do curso de Design Gráfico na Universidade de Estado de Minas Gerais. Na página do Cartase, há mais detalhes sobre a criação do livro, mas abaixo, você pode ler alguns interessantes trechos e o belo vídeo no qual a autora fala mais sobre o livro e o financiamento.

“Aqui no Brasil, o senso de 2010 já mostra que 51% das famílias são diferentes do que chamam por aí "modelo tradicional" (que é um pai, uma mãe e filhos). Cada vez mais surgem famílias de todas as formas e precisamos ajudar mais e mais pessoas a verem como isso é bom. Afinal de contas: quanto mais famílias, mais pessoas amadas e acolhidas!”

“Nós acreditamos que mesmo cada família sendo tão diferente, todas merecem o mesmo respeito, direitos e amor. E estamos aqui para dar uma mãozinha para construir um mundo que seja cada vez mais diverso e acolhedor.Você também acredita que Pessoas + Amor = Família? Então vem com a gente!”




 por Valmique

sábado, 18 de abril de 2015

No próximo final de semana BH terá 3 grandes festas, como a The Explosion Of Alegria – Circus Open Air

Loading

O próximo final de semana promete! Vai acontecer mais uma edição da festa The Explosion of ALEGRIA Circus open air, no sábado 25 de abril, com produção da DM Entretenimento responsável pelas já tradicionais e badaladas festas “White Emotion” e “Black Stravaganza”. Antes da Circus, haverá a Warm Up, na sexta 24, e após a After Pool Party, no domingo 26.

O tema escolhido dessa edição é CIRCUS com a versão OPEN AIR, a festa será realizada em local aberto onde construiremos uma tenda com picadeiro para um grande ESPETÁCULO CIRCENSE. Teremos a apresentação de artistas de tecido, malabarismo, palhaço, ilusionismo, TOP DJS e DANCERS que vão te conduzir para um universo de MAGIA, ALEGRIA e muita EMOÇÃO!

As principais atrações da “The Explosion of ALEGRIA Circus open air” são os top DJs Tommy Love (SP), Laurize (GO), André Graça (RJ) e Allan Natal (BH).

Mas antes da Circus Open Air, acontece a festa Warm up, na sexta, 24, às 23h, no Anda Club, incluindo atrações circenses, dancers e os DJs: Mauro Mozart (BH) Cabral (SP) e Diego Ramal (BH).

No domingo, é a vez da After Pool Party Alegria, às 8h, no Espaço Belvedere no Clube Círculo Militar. Também com artistas circenses, produção visual,  dancers e DJs: Laurize (GO), André Graça (RJ), Michelle Ravesck (BH), Cabral (SP) e Mauro Mozart (BH). 

Lembrando que para a The Explosion of ALEGRIA Circus open air o Dress Code Obrigatório é Color Block (acessórios liberados).

INGRESSOS:

Ingressos antecipados: 25 (Warm Up) e 40 (After Pool Party)  

PISTA PREMIUM ( sem open bar)
Lote promocional: 19/02 a 01/03 - 40,00 (ESGOTADO)
1 lote: 02/03 a 15/03 - 50,00
2 lote: 16/03 a 05/04 - 60,00
3 lote: 06/04 a 25/04 - 70,00

COMBO - WARM UP + ALEGRIA CIRCUS +  AFTER POOL PARTY ALEGRIA
Lote Promocional: 19/02 a 01/03 - 90,00
1 lote: 02/03 a 15/03 - 100,00
2 lote: 16/03 a 05/04 - 120,00
3 lote: 06/04 a 25/04 - 140,00

CAMAROTE DIAMOND - ( OPEN BAR: VODKA, CERVEJA, ENERGETICO, AGUA, REFRI)
Produção: JON CARNEIRO 

Lote promocional : 19/02 a 01/03 - 120,00 (ESGOTADO)
1 lote: 02/03 a 15/03 - 130,00
2 lote: 16/03 a 05/04 - 140,00
3 lote: 06/04 a 25/04 - 160,00

LOCAL: Clube Circulo Militar: Rua Raja Gabaglia, 350 - Gutierrez - Belo Horizonte

www.facebook.com/festaalegriabh

PONTOS DE VENDA: Es Collection, Colcci ( Patio e Diamond), Anda e Central dos Eventos
On line: Central dos eventos – www.centraldoseventos.com.br

INFORMACOES: 31 25315942 (14:00 as 20:00) – Whatsapp: 31 97463518/ 91842429

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Nesta quinta acontece beijaço contra LGBTfobia na UFMG

Loading

Episódios de homo-lesbofobia que têm acontecido dentro do ambiente universitário motivaram estudantes e coletivos da UFMG a organizarem diversas ações contra a discriminação e violência sofridas cotidianamente por pessoas LGBT. Dentre as atividades programadas para ocorrer no dia 16 de abril (quinta-feira) na Faculdade de Direito e Ciências do Estado da UFMG está previsto um beijaço contra a LGBTfobia (programação completa na página do evento no Facebook: “Ciclo de Intervenções LGBT- UFMG”).

Com o nome “O afeto é a melhor arma contra a LGBTfobia”, o ato tem a intenção de chamar a atenção da comunidade acadêmica e da sociedade em geral para a gravidade dessas violências (em especial aquela sofrida por mulheres lésbicas, frequentemente invisibilizadas) e promover o debate. O beijaço está marcado para ocorrer às 18h30. A concentração começa desde as 17h no 2º andar do prédio da Faculdade de Direito e Ciências do Estado da UFMG (av. João Pinheiro, 100).


“Nesta semana, no dia 13 de abril, comemoramos o Dia Internacional do Beijo e, no dia 17 de maio, o Dia Internacional de Combate à Homofobia. A sociedade livre e pacífica que queremos construir não pode mais admitir que, por causa de posturas preconceituosas vindas de outras pessoas ou grupos, a população LGBT tenha direitos negados ou medo de se expressar afetiva e sexualmente”, explica um dos organizadores do evento, que é também estudante de Direito da UFMG.

Os grupos envolvidos fazem questão de frisar que as manifestações de LGBTfobia não estão restritas ao ambiente universitário. Pelo contrário, acontecem rotineiramente em locais como a casa e o trabalho. Muitas vezes, essas manifestações são acobertadas pelo argumento da liberdade de expressão, que, na verdade, não pode ser usado como respaldo para a difusão de discursos de ódio, conforme recentes decisões judicais têm indicado. 

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Saiba mais sobre o movimento #SomosTodasVeronicas

Loading


Nesta quarta-feira, 15 de abril, o nome da travesti Verônica Bolina foi destaque nas redes sociais. O motivo? A agressão – física e moral - que sofreu por policiais. Seu cabelo foi cortado, seus seios expostos e o rosto praticamente desfigurado de tanto apanhar, como mostram as fortes imagens abaixo.

A agressão sofrida por Verônica teria como “justificativa” a acusação de ter mordido a orelha de um policial quando era transferida em um presido em São Paulo, após ter sido acusada de agredir fisicamente uma vizinha idosa. 

O portal Terra informou que será instaurada uma sindicância para apurar o caso, com o apoio do do Conselho Estadual LGBT Paulista, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o Ministério Público e Defensoria Pública e a Secretaria de Segurança Pública (SSP). Segundo a matéria Verônica está recebendo apoio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos, que disponibilizou advogados para acompanhar o caso.


A indignação com o caso Verônica gerou a criação da hastag #SomosTodasVeronica e a página no Facebook de mesmo nome. Abaixo, vocês podem ler na íntegra o texto que compartilhamos na página do Muza no Facebook, escrito pelo querido Diego Moreira.

“Hoje estamos chocados com mais um episódio de ignorância, despreparo e negação das próprias leis ocorrida em nosso país. Verônica evidenciada em cenas chocantes nas fotos abaixo foi presa e sofreu todos os tipos de violência passíveis a um ser humano. Visíveis para todos nós ficam as físicas, mas internamente em seu posicionamento de gênero e dificuldades vividas para se orgulhar de quem é, sabemos que ela está ainda mais violentada, machucada e irreversivelmente abalada. Não se trata de privilegiar um determinado grupo ou dar algum tratamento especial por ser tratar de um travesti ou transexual, aqui a questão concerne ao ser humano e seus direitos tão exaltados em nossas leis extremamente defensivas, quando se trata de qualquer individuo e as questões desse nosso sistema prisional medieval. Mas ao que tudo indica, isso se torna irrelevante quando raspar o cabelo, expor os seios e usar tudo isso como exemplo na execução de uma lei e ordem saída sem lá de onde, é mais importante que o respeito. Somos um país defasado, atrasado, homofóbico, transmofóbico e lotado de preceitos, conceitos e preconceitos totalmente equivocados, mas até isso precisa de um limite. Hoje, amanhã e depois somos e seremos todos Verônica. Nós da equipe MuZa, esperamos esperançosos a total extinção de situações de horror como essa. Por hora, mandamos amor e muita energia positiva para as pessoas que não conseguem se chocar nem que seja um pouquinho com tudo isso. Por hora estamos todos debilitados, sentidos, desolados como a família da Verônica deve estar. Por hora engoliremos o choro para transformá-lo em protesto e algo maior. Por hora ‪#‎SomosTodasVerônicas‬” 

 por Valmique


Padre Fábio de Melo tweeta a favor do casamento gay

Loading

Ultimamente algumas personalidades públicas da Igreja Católica têm se posicionado de maneira positiva em relação à comunidade LGBT. O fato mais recente são os tweets do Padre Fábio de Melo defendendo o casamento entre pessoas do mesmo sexo, como mostra uma recente lista criada pelo site Buzzfeed.



Essa não é a primeira vez que o Padre mostrou se a favor da união civil. Em 2014 ao participar do programa Altas Horas, na TV Globo, ele respondeu a um questionamento sobre o assunto. “A gente precisa dividir bem a questão. Uma é a questão religiosa, o posicionamento das religiões, que tem todo o direito de não aceitar, de não ser a favor. É um direito de cada religião. Se você faz parte daquela religião, daquela instituição, você vai submeter-se à regra. Só que há também a questão cível, que não podemos interferir, que não é religiosa, que é o direito de duas pessoas reconhecerem uma sociedade que existe entre elas”, afirmou.

O Muza espera que as instituições religiosas, bem como o Estado, se abram cada vez mais ao entendimento dos direitos buscados pela população LGBT.

Acontece hoje em BH mais uma reunião da Câmara de Comércio LGBT do Brasil

Loading

Nesta quarta-feira, 15 de abril, autoridades, personalidades e militantes se reúnem no centro referencial de moda em BH para a segunda reunião da Associação de Turismo LGBT de Minas Gerais

Na pauta estarão a aprovação do estatuto da associação, apresentação da logomarca e página do Facebook, além do planejamento de ações e parcerias para a XVIII parada do Orgulho LGBT de BH, a ser realizada no dia 19 de julho. 

O Evento é aberto ao público e será realizado das 17h às 19h. “Esta reunião é muito importante para a cidade de Belo Horizonte. Nela, serão decididas práticas e condutas para estimular o turismo e a economia na capital”, acrescenta Douglas Drumond, presidente da Câmara de Comércio LGBT do Brasil .

Serviço
Data: 15/04 – quarta-feira 
Horário: 17h às 19h
Local: Centro referencial de moda (Rua da Bahia, 1149- Centro)

terça-feira, 14 de abril de 2015

Bolsonaro poderá pagar R$ 150 mil por declarações homofóbicas

Loading

Depois do ex-candidato a presidência, Levi Fidelix ser condenado por falar o que não deve chegou a vez do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ). O parlamentar foi condenado a pagar R$ 150 mil por danos morais ao FDDD (Fundo de Defesa dos Direitos Difusos) por suas declarações contra homossexuais.

A indenização foi decidida pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, através da ação movida pelos grupos Diversidade Niterói, Cabo Free de Conscientização Homossexual e Combate à Homofobia e Arco-Íris de Conscientização. Eles se basearam, entre outras questões, nas declarações do parlamentar ao programa "CQC", da "TV Bandeirantes", em março de 2011, quando ele criticou a comunidade LGBT.

Criado pelo Ministério da Justiça o FDDD tem por objetivo a reparação dos danos causados ao meio ambiente, ao consumidor, a bens e direitos de valor artístico, estético, histórico, turístico, paisagístico, por infração à ordem econômica e a outros interesses difusos e coletivos.

De acordo com a juíza Luciana Santos Teixeira “Nosso Código Civil expressamente consagra a figura do abuso do direito como ilícito civil (art. 187 do Código Civil), sendo esta claramente a hipótese dos autos. O réu praticou ilícito civil em cristalino abuso ao seu direito de liberdade de expressão", escreveu.

Como a sentença ainda cabe recurso, Bolsonaro já informou que irá recorrer da decisão. Ele acredita que a magistrada está equivocada. “É a primeira vez que eu perco um processo em primeira instância", declarou o deputado.

O Muza espera que a justiça entenda, em suas decisões, o quanto esses abusos prejudicam a população LGBT.

domingo, 12 de abril de 2015

Veja fotos e saiba como foi o show da Vanessa da Mata em BH

Loading




Como sabem, na noite de ontem a cantora Vanessa da Mata trouxe para BH o show da turnê "Segue o Som", do seu mais recente disco. A cantora mato-grossense, mas criada em Minas, cativou a todos com sua simpatia, figurino exuberante e claro, seus hits. Apesar de não ter incluído no show "Boa Sorte" e nem a balada "Onde Ir", a preferida desse que vos escreve, Vanessa fez todo mundo cantar junto "Ai Ai Ai Ai", "Não Me Deixe Só", "Amado" e outros. O cenário, apesar de simples, era eficiente para causar impacto cênico a cada iluminação. O show de Vanessa pede para ser visto em lugares menores, mas ao mesmo tempo, ver um grande número de pessoas dançando ao som de sua música é encantador. Como a mesma disse ao longo do show, não são os prêmios que a motivam e sim a conexão e os aplausos do público, assim como, ela sente ter o melhor trabalho do mundo, por pessoas pagarem para vê-la cantar e se expressar. Parabéns pelo bom show Vanessa e que seu carisma continue sempre presente.

Veja mais fotos na página do Muza no Facebook.

 Texto por Valmique. Fotos Diego Moreira.

sábado, 11 de abril de 2015

Hoje tem show da Vanessa da Mata em BH

Loading

Um boa pedida para quem está em BH hoje é o show da Vanessa da Mata. Os fãs e admiradores da cantora na capital mineira poderão conferir o espetáculo da nova turnê “Segue o Som”, no Chevrolet Hall, a partir das 22h. No repertório, além de canções inéditas, Vanessarevisa seus 12 anos de carreira e apresenta sucessos como: “Amado”, “Boa Sorte/Good Luck”,”Ai, Ai, Ai”, entre outros. 

CD “Segue o Som”

“Segue o Som” foi lançado em março e tem 11 faixas autorais e uma parceria com Liminha e Kassin. A cantora faz questão de destacar a participação dos músicos Lincoln Olivetti, Fernando Catatau, Marcelo Jeneci e Stephan San Juan, considerada essencial para um trabalho que flerta com estilos sem abrir mão da poesia.

“O diferencial está principalmente nele ser mais solar. Tem rock denso sem deixar a gente pra baixo; axé antigo; ritmos eletrônicos; reggaes diferentes, samba-jazz e referências como Gorillaz e The Police. Tem uma variação muito boa, gosto disso nas letras, ritmos e timbres. Tem um som que parece ter sido tocado ao vivo, gravamos praticamente com todos plugados ao mesmo instante, só que em lugares diferentes para não ter invasão de som”, explica a cantora.

Serviço – show  Vanessa da Mata 
Realização: TIME FOR FUN
Data: 11/04/2015 (Sábado)
Horário: 22h
Local: Chevrolet Hall – Belo Horizonte (MG)
Av. Nossa Senhora do Carmo, 230 – São Pedro
Ingressos: de R$35 a R$480

Para esquentar, veja os dois videoclipes recentes da Vanessa da Mata. Destacamos os Boy Magia no vídeo de "Por onde ando tenho você".






sexta-feira, 10 de abril de 2015

Petição de alunos e professores apura caso de homofobia na UFMG

Loading

É difícil imaginar uma atitude homofóbica vinda de um profissional que tem o papel de promover a construção do conhecimento. Mas foi o que aconteceu. O professor da Universidade Federal de Minas Gerais, José Marcos Rodrigues Vieira, teria dito em aula para alunos: “graças a Deus existe um pouco de heterossexualidade no Direito”.

A informação foi divulgada no perfil do Centro Acadêmico Afonso Pena (CAAP), pelo Facebook. Muitos alunos do 5º período, que não concordaram com as declarações, se retiraram da sala e foram chamados de “vagabundos” de acordo com a petição entregue à reitoria da UFMG. O caso está sendo apurado, mas ainda não foi aberto um processo administrativo para investigação.


O CAAP, em nota, se posicionou contra a atitude do professor Rodrigues. “[...] Isso é inaceitável não só porque se trata do contexto de uma Universidade Pública, que deve respeitar a diversidade, mas, sobretudo, porque estamos num país que ostenta índices recordes de violência física e moral contra gays, lésbicas, travestis e transexuais”, afirmaram os representantes do Centro.

Porém, as reclamações não foram bem recebidas pelo diretor da Faculdade de Direito, professor Fernando Gonzaga Jayme. Ele evitou questionamentos ao professor acusado quando sugerido sobre o afastamento do mesmo e a apuração do caso.

De acordo com a reportagem do G1 os alunos ainda ouviram do diretor que, mesmo que ele indicasse a abertura de um processo administrativo, ele mesmo teria condições de manipular as investigações, de forma a beneficiar o colega docente.