domingo, 22 de março de 2015

ExcluZivo - Jujubee fala sobre RuPaul´s Drag Race, Demi Lovato, Gisele Bündchen e o Poder do Feminino

Loading


Como sabem, no início desse mês a drag queen internacional Jujubee, que conseguiu fama mundial por sua participação no reality show RuPaul´s Drag Race (que ela participou de duas edições 2010 e 2012), esteve em Belo Horizonte como atração principal da festa @bsurda. O Muza esteve presente e realizou uma entrevista excluZiva com Jujubee, que logo no início, perguntou se havia algum problema ela fumar enquanto conversávamos. Claro que não tinha problema e talvez, até por isso, nossa conversa foi tão agradável como vocês podem confirmar abaixo. 

Muza – Você está acompanhando a nova temporada? Já tem alguma candidata favorita?
Sim! Claro! Adoro Katya, Trixie, eu adoro ela, eu gosto da Miss Fame, mas a odeio ao mesmo tempo – porque eu sei que ela é bonita, mas é uma bitch! (risos). Você pode escrever, aquela cara... é uma cara de vadia! Violet vai longe, ela é bem quieta. Ginger acho que vai  bem longe porque com aquele talento e personalidade, não dá para comparar, é só esperar os desafios, ela está escondendo ela vai nos mostrar muito. Minhas apostas estão em Violet e Ginger. Violet é jovem e Ginger está aí há um tempo e trabalhando muito. Elas são diferentes uma das outras, mas são muito boas. Eu adoro Katya, ela é minha irmã de Boston: Eu te amo Katya!

Muza - É sua quarta vez no Brasil, você deveria ter uma casa em nosso país (risos). Você imaginava todo esse sucesso aqui?  Ficou impressionada com o carinho dos brasileiros e a ansiedade deles em ver você?
Jujubee - Eu sou muito humilde e abençoada por fazer o que eu amo fazer, então, estar aqui tem sido um ótimo momento para eu perceber que eu estou fazendo algo bom.  Eu sempre digo isso, mas se você sente amor aqui é o lugar que deveria estar, e o Brasil é um desses lugares. Eu vi que a Demi Lovato quer voltar aqui, porque ela ama o Brasil.

Jujubee durante seu show em Belo Horizonte fazendo cover de Ariana Grande


Muza - Você conversou com ela (Demi Lovato) sobre o Brasil?
Não! (risos) Eu não a conheço pessoalmente, mas sou fã do trabalho dela. Eu a vi escrevendo algo no twitter como “eu tenho que voltar no Brasil”. Todo mundo ama o Brasil.

Muza –Então, você falaria para suas irmãs (outras drag queens) para virem ao Brasil?
Jujubee - Oh meu deus! Claro, eu adoro! 

Jujubbe - Você conhece Gisele Bundchen, certo? Ela vive em Boston, perto de onde eu moro. 
Muza – Mas você a conhece? Já foi lá fazer a boa vizinhança (risos)?
Jujubee - Eu nunca a vi, apesar de morarmos realmente perto. Mas ela é linda!

Muza - Eu não sei se você sabe, mas aqui em Belo Horizonte está havendo uma cena muito bacana de meninos que se vestem como meninas e de algumas drag queens mesmo (Toda Deseo, Dolly Piercing, a festa Dengue). Você teria algum conselho para eles?
Jujubee - Tudo que eu tenho a dizer para toda Queen que quer ser bem sucedida no que faz é seguir seu sonho e sinta que está fazendo a coisa certa. É um dom que você recebe, então siga seu coração. É a única coisa. Se você não se sente confortável, não faça. Mas se sim, faça! Há um plano para você, você cria o seu futuro.

Jujubee em mais um momento de seu show em BH, desta vez ela cantou Rihanna

Muza - Como você explica o fenômeno mundial Ru Pauls Drag Race. Afinal, você está aqui também por ter participado do programa.
Jujubee - É loucura né? O único motivo d´eu estar aqui é o RuPaul. Ser drag sempre foi uma coisa underground e agora é um destaque do entretenimento. As pessoas veem que somos pessoas de verdade e que amamos o que fazemos. E eu acho importante isso. E o RuPaul trouxe para o mundo todos esses talentos espetaculares para a TV da América e do mundo todo. Eu acho que o RuPaul e a Logo (canal de TV que exibe o programa) estão sendo fantásticos.

Muza - Por quê você decidiu ser drag queen e o que te inspira?
Jujubee - A razão por eu ser drag eu acho que é o poder feminino, que  é realmente algo grande e belo, e o mundo masculino coloca de lado. Como um homem gay eu sou muito feminino, mas eu nunca quis esconder isso. E felizmente eu não consigo esconder isso. Eu não consigo ser e nem estou tentando ser “macho”. Mas eu acho que Drag mostra ao mundo que a mulher e o feminino são uma força forte e até mais que a masculinidade. Porque os caras másculos tentam esconder as coisas, os sentimentos. Já as mulheres, garotas, elas estão em sua frente e querem cuidar de você, cheias de amor, e não estão assustadas. Porque às vezes os homens mais “masculinos” estão com medo, assustados, porque eles não querem demonstrar suas fraquezas. E eu não acho que isso seja ser fraco, todo mundo deveria mostrar suas emoções.  E eu sou muito sortudo por ser alguém feminino.  Isso faz sentido? Você me entende?

Sim Jujubee, não só entendo e concordo, mas vamos continuar essa conversa por e-mail, como combinamos, ok? ;) Abaixo, vocês podem ver ou rever o vídeo excluZivo no qual Jujubee manda um beijo para você: nosso querido internauta que acompanha o Muza :) 

 Por Valmique