quarta-feira, 13 de março de 2013

Novo Papa, argentino, foi contra a legalização do casamento gay na Argentina

Loading


Habemus Papam! Sim! O mundo, ou melhor, a Igreja Católica Apostólica Romana, já tem um novo Papa. E não é só isso, ele é latino-americano. Não, não é brasileiro, e sim, argentino.

Seu nome é Jorge Mario Bregoglio, cardeal, que escolheu o nome “Francisco I” como Papa. Ele tem 76 anos, é um intelectual jesuíta, ex-arcebispo de Buenos Aires e conhecido como um teólogo conservador. 

Bergoglio é conhecido também por ser um opositor ferrenho do casamento gay. Em 2010, quando a Argentina foi o primeiro país da América Latina a legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo, o agora Papa Francisco I, afirmou na época que o projeto de casamento entre pessoas do mesmo sexo se trata de um “movimento do diabo” que pretende “destruir o plano de Deus”. Ele ainda argumentou que o projeto era uma “agitação do Pai da Mentira [o diabo] para confundir e enganar os filhos de Deus”. Também defendeu a ideia de que as crianças do país deveriam ter o direito de serem criadas e educadas por um pai e uma mãe. O então arcebispo foi duramente criticado pela presidenta argentina Cristina Kirchner, que comparou seu discurso aos do tempo da Santa Inquisição. 

Ok, a grande notícia ou surpresa seria se algum Papa fosse a favor do casamento gay, mas não deixa de ser um sinal de alerta. Sobretudo, num momento em que a Igreja Católica terá que lidar com questões atuais, como os direitos dos LGBT. Aguardemos e que Deus nos proteja! ;)

Com informações de Estadão e IBahia