quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Primeiro casamento gay de BH está com data marcada

Loading




(Via o Tempo On Line) Foi publicada nessa sexta-feira (22) no Diário Oficial do Município (DOM), a autorização da Justiça para que um casal homossexual se case legalmente, pela primeira vez, em Belo Horizonte

A união do consultor de negócios Carlos Eduardo Guimarães de Oliveira, 31, com o analista de tecnologia da informação, Jorge Chediack Miguel, 30, já tem até data marcada. No dia 16 de abril deste ano o casal irá se unir perante a lei no 2º Subdistrito de Registro Civil e, inclusive, irão adotar o sobrenome um do outro, em regime de comunhão total de bens.

Eles se conheceram há 7 anos, e já moravam juntos desde 2005. Após o reconhecimento da união estável entre pessoas do mesmo sexo pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no dia 5 de maio de 2011, o casal, que já vivia junto nesta época, pediu a conversão da união estável em casamento. Com isso, eles passarão a ser o primeiro caso de casamento civil entre pessoas do mesmo sexo na capital mineira.

Outros casos

O primeiro casamento homoafetivo registrado no Estado aconteceu em março de 2012, em Manhuaçu, na Zona da Mata, quando Wanderson Carlos de Moura, 34, se uniu legalmente a Rodrigo Diniz Rebonato, 18. Assim como Carlos e Jorge, eles foram autorizados pela Justiça a se casarem.

Em julho de 2012 um caso também chamou a atenção. Os pastores evangélicos Anderson pereira, 34, e Roberto Soares, 29, se casaram na Igreja Cristã Contemporânea da capital, porém, não no civil.

E ainda em fevereiro de 2013, oito detentos da Penitenciária Jason Soares Albergaria, localizada em São Joaquim de Bicas, na região metropolitana de Belo Horizonte, participarão de um casamento gay coletivo. Eles formam quatro casais, entre eles, um formado por travestis. 

Clique aqui para ler a matéria completa