terça-feira, 4 de setembro de 2012

Jogador Richarlyson faz afirmações fortes sobre homossexualidade e futebol

Loading


O jogador de futebol Richarlyson, volante do Clube Atlético Mineiro, é destaque na revista Veja BH desta semana. Em entrevista, ele faz afirmações fortes sobre a relação entre homossexualidade e futebol:

“Nenhum jogador de futebol vai assumir que é gay”

“O futebol é homofóbico”

Richarlyson informa que aprendeu a lidar com os rumores sobre sua sexualidade. O que inclui ouvir piadas da torcida quando seu nome é anunciado nos estádios. “Dou risada, e não é pouca”, revela o jogador.

Ele nega ser homossexual, mas a pergunta sempre é feita. Ele ainda confessa que sua preocupação quando começaram os boatos de que seria gay eram seus pais: “Não queria que eles sofressem com isso”.

Na matéria, ele ainda revela e se mostra um “jogador de futebol bem vaidoso”. Para isso, informa que só usa cosméticos e perfumes de grife, além de ter mais de 60 pares de tênis para combinar com suas roupas/estilo de vestir.

As especulações de que Richarlyson seria gay começaram em 2005, quando o então diretor palmeirense José Cyrillo Júnior teria insinuado que o jogador era gay. Na entrevista, ele revela que a declaração teria surgido quando Richarlyson não assinou como Palmeiras e sim com o São Paulo, rival do Palmeiras. O jogador informa na entrevista que ganhou um processo contra o então diretor palmeirense pelas insinuações. “ele se retratou, mas a fama ficou”.