sexta-feira, 29 de junho de 2012

George Michael está de volta. Ouça a nova música!

Loading


Bee! Sabe quem está de volta? George Michael! Isso mesmo! Já estar com cabelos grisalhos - normal, já que ele tem 49 anos - não é sinônimo de quietação, afinal, a nova música “White Light” é uma boa batida eletrônica.

George Michael divulgou uma mensagem explicando o por que de lançar uma nova música. Especialmente no dia de hoje: 29 de junho. No comunicado ele diz:

"Olá a todos. No dia 29 de junho deste ano faz trinta anos do dia em que "Wham Rap", meu primeiro single, escrito com Andrew Ridgeley, (em uma tarde que os dois de nós deve ter sido na escola!), entrou nas paradas de sucesso britânica.

Para celebrar e comemorar os trinta anos maravilhosos, que eu estou liberando minha música mais recente," White Light”, para as rádios, examente no aniversário.

Embora eu saiba que a tradição indústria da música em tais ocasiões é listar as centenas de milhões de álbuns vendidos, o número de recordes quebrados e prêmios recebidos em todos os esses anos, gostaria apenas de dizer obrigado.

A maioria dos meus fãs percebe que eu sonhava com uma carreira como um cantor / compositor desde cedo, mas nunca em minhas imaginações eu poderia ter sabido que eu ainda estaria aqui, trinta anos depois, saudável, feli e sentindo que eu ainda tenho muito mais música para dar. É milagroso, de muitas formas. O destino foi tão gentil comigo, assim como os milhões de pessoas que que compraram discos e foram aos meus shows, ano após ano, desde 1982.

Eu sou verdadeiramente abençoada, e "White Light” é o meu obrigado a todos que tem sido uma parte do meu sucesso. E eu quero dizer a todos, inclusive à imprensa! Que por muito tempo isso possa continuar!”

É só apertar o play abaixo e ouvir a música, inclusive com a letra – que começa de uma maneira promissora:  “Eu estou de volta, mais orgulhoso do que nunca, baby”, canta George Michael.

Adele anuncia que está grávida

Loading

Bee! É isso aí! Mais uma mamãe pop! Adele anunciou hoje, em seu site oficial, que está grávida. No breve texto, ela diz:

“Estou muito feliz de anunciar que Simon e eu estamos esperando o nosso primeiro filho. Eu queria que vocês ouvissem a notícia diretamente da minha boca. Obviamente estamos completamente felizes e muito animados, mas, por favor, respeitem a nossa privacidade nesse momento precioso. Com amor, Adele, beijos!”,

Ficamos felizes pelo casal, claro, mas será que com isso, disco novo irá demorar? Aguardemos!

Abaixo, imagens do casal treinando para ter filhos... com o cachorrinho de estimação! ;)




Secretaria de Direitos Humanos divulga número de violações aos direitos humanos de LGBT no Brasil

Loading

A ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, fala sobre o combate a homofobia em encontro com a ABGLT

People! Via O Tempo On Line Um levantamento realizado pela Secretaria de Direitos Humanos identificou a ocorrência de 6.809 denúncias de violações aos direitos humanos de homossexuais durante o ano passado. Também foram constatados ao menos 278 assassinatos relacionados à homofobia.

Parte do levantamento, ainda inédito, foi antecipada ontem, quinta-feira (28), Dia Internacional da Cidadania LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), pela ministra Maria do Rosário. É a primeira vez que um órgão do governo federal divulga oficialmente números ligados à violação dos direitos dos homossexuais, identificados a partir de denúncias feitas aos serviços Disque Direitos Humanos (Disque 100), Central de Atendimento à Mulher (Ligue 180), de dados do Ministério da Saúde e por meio de notícias publicadas pela imprensa. Até agora, a principal fonte de informações sobre o assunto era o Grupo Gay da Bahia (GGB), cujo último relatório, divulgado em abril deste ano, contabilizava 266 mortes violentas durante o ano passado.

O levantamento aponta que, na maioria dos casos (61,9%), o agressor é alguém próximo à vítima, o que pode indicar um nível de intolerância em relação à homossexualidade. Cerca de 34% das vítimas pertencem ao gênero masculino; 34,5% ao gênero feminino, 10,6% travestis, 2,1% transexuais e 18,9% não informado. Foram identificadas ao menos 1.713 vítimas e 2.275 suspeitos.

Já o coordenador geral de Promoção dos Direitos LGBT da SDH, Gustavo Bernades, disse que o fato de 49% das vítimas de homicídios serem travestis, indicam que este é um dos grupos mais vulneráveis à violência homofóbica, junto com os jovens negros. “Há também uma violência doméstica que nos preocupa muito, porque é difícil para o Estado interceder nestes casos. E a violência contra lésbicas também é pouco denunciada”.

O levantamento também aponta a existência de um grande número de casos em que a família rejeita os jovens que revelam sua orientação sexual. “Há, nestes casos, a violência dos pais que abandonam ou negligenciam seus filhos. Tudo isso demonstra que precisamos de políticas públicas de enfrentamento à homofobia, especialmente para os jovens, em particular para os jovens negros”.

Pouco após divulgar os dados, a ministra anunciou a proposta de incentivar a criação de Comitês Estaduais de Enfrentamento à Homofobia. De acordo com a ministra, os comitês serão criados em parceria com governos estaduais, com o Conselho Federal de Psicologia e outras organizações da sociedade civil.

Os comitês servirão para monitorar a implementação de políticas públicas, acompanhar ocorrências de violências homofóbicas, evitando a impunidade e sensibilizar agentes públicos responsáveis por garantir os direitos do segmento. Também está em estudo a criação de um comitê nacional que se responsabilize por coordenar a ação dos demais comitês.

“É preciso compreender que um crime contra um homossexual atinge não só a pessoa, mas a família e a sociedade como um todo. É assim que nos sentimos no governo brasileiro”, disse a ministra, adiantando que a proposta de criação dos comitês ainda está sendo desenhada e vai depender de parcerias. “Há uma vontade política inabalável do governo federal de constituir mecanismos que mobilizem a sociedade contra a violência homofóbica. Acreditamos que, com as parcerias, os recursos necessários não serão tão grandes. O principal valor investido será a mobilização permanente da sociedade”.

O presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), Toni Reis, comemorou o anúncio da ministra em pleno Dia Internacional da Cidadania LGBT, mas lamentou os números do levantamento.

“Este posicionamento político de estabelecer o comitê nacional e os estaduais é muito importante. Já vínhamos denunciando a situação, mas hoje temos um dado oficial. É o governo brasileiro quem está reconhecendo que houve 6.809 violações dos direitos humanos de pessoas homossexuais”, disse Reis, prometendo que as associações não-governamentais irão apoiar qualquer proposta da Secretaria de Direitos Humanos que vise combater a homofobia, sobretudo a criação dos comitês estaduais.

Saiba como foi a audiência pública que discutiu “a cura gay” por psicólogos

Loading

O deputado Jean Wyllys durante a audiência
People! Como o Muza havia adiantado, aconteceu ontem uma audiência pública na Câmara dos Deputados na qual foi discutida a suspensão de dois dispositivos de uma resolução do Conselho Federal de Psicologia que orientam os profissionais da área a não usar a mídia para reforçar preconceitos contra os homossexuais nem propor tratamento para curá-los. Tal audiência, é fruto do projeto do deputado religioso João Campos (PSDB-GO). Abaixo, você pode ler, via O Tempo On Line, como foi a lamentável audiência, que cá entre nós, nem deveria ter existido:

Gritos, bate-boca e muita confusão marcaram a audiência pública que terminou no início da tarde de ontem na Comissão de Seguridade da Câmara para discutir o projeto de decreto legislativo 234/11, conhecido como Projeto de "Cura" Gay. De autoria do deputado João Campos (PSDB-GO), a proposta susta a aplicação de dois dispositivos da resolução 1/99 do Conselho Federal de Psicologia (CFP). O regulamento do CFP proíbe profissionais de usarem a mídia para reforçar preconceitos contra grupo de homossexuais ou propor tratamento para curá-los.

O CFP não aceitou o convite para participar da audiência por considerar a composição da mesa "pouco equilibrada". Entre os convidados que falaram, estava a psicóloga Marisa Lobo, que defende o direito de psicólogos atenderem pacientes que busquem mudar a sua orientação sexual. A defesa da psicóloga provocou polêmica entre os que assistiam à audiência, um tumulto se formou e um bate-boca entre Marisa e representantes do Movimento Gay se instalou. "Ser cristão não significa ser alienada", disse para a plateia, que a chamou de "barraqueira".

Os deputados Jean Wyllys (PSOL-RJ) e Érika Kokay (PT-DF) criticaram o projeto e se retiraram. No fim da audiência, o relator do projeto, deputado Roberto de Lucena (PV-SP), leu trechos do manifesto do CFP em repúdio à proposta, e integrantes do movimento gay passaram a ler o texto na íntegra, provocando nova confusão. Eles foram retirados do local por seguranças da Casa.

Balada weekend! Balada GLS para sexta, sábado e domingo

Loading






quinta-feira, 28 de junho de 2012

Saiba por que 28 de junho é considerado o Dia Mundial do Orgulho LGBT

Loading


People! 28 de junho é o Dia Mundial do Orgulho Gay, Lésbico, Bissexual e Transgênero. E se você não sabe o motivo, o MUZA lhe explica, com TODO ORGULHO:


Na década de 60 existia um bar em Nova York, chamado Stonewall, que era freqüentado por gays, lésbicas, bissexuais, simpatizantes e transgêneros. Tudo ia bem no local, com exceção das constantes revistas ou visitas repressivas que a polícia local fazia no bar.



Até que no dia 28 de junho de 1969, cansados da repressão policial, os freqüentadores do Stonewall iniciaram uma verdadeira rebelião contra esses atos de intimidação da polícia, que durou dias e ficou conhecida como “A rebelião de Stonewall”.



A rebelião culminou em uma marcha ocorrida no dia 1º de julho de 1970, em lembrança do aniversário do motim, se tornando assim a percussora das Paradas do Orgulho Gay, que felizmente, hoje são realizadas em várias partes do mundo.



Desta forma, A Rebelião de Stonewall se tornou um marco por ter sido a primeira vez que um grande número de LGBT´s se juntaram para resistir aos maus tratos e preconceitos que viviam.



A “Rebelião de Stonewall” já virou filme em 1995: “Stonewall”, dirigido por Nigel Flinch. Também dois documentários: “Before Stonewall: the making of a gay and lesbian community” (Antes de Stonewall: o fazer da comunidade gay e lésbica), de 1984, dirigido por John Scagliotti e Greta Schiller. O outro documentário foi lançado em 1999, chamado “After Stonewall” (Depois de Stonewall), dirigido por John Scagliotti.



Abaixo os trailers, respectivamente, de “Stonewall”, “Before Stonewall” e "After Stonewall".




Teatro “Por Parte de Pai” está em cartaz em BH!

Loading


People! Está em cartaz em BH, hoje e amanhã, o espetáculo teatral “Por Parte de Pai” com a atriz Nathália Marçal. O cenário e figurino são do badalado estilista Ronaldo Fraga. O espetáculo está em cartaz no Teatro Alterosa e trata-se de uma homenagem ao escritor Bartolomeu Campos de Queirós, falecido em janeiro de 2012.



Sinopse

A encenação é um convite ao espectador para uma viagem nos caminhos curvos da memória de uma infância. A personagem revive intensamente o período em que esteve ao lado dos avós numa cidade do interior, e recupera o prazer e os medos daquela convivência tão determinante para a sua personalidade. 

A descoberta da vida, do amor, e a percepção concreta da perda marcam uma narrativa poética e sensível sobre um tempo que não tem pena e que não retorna, a não ser quando chamado pela saudade. A cena acompanha a delicadeza e sensibilidade das palavras de Bartolomeu Queirós e busca, na força das suas imagens, através de uma narrativa ora angustiante ora leve e divertida, a principal fonte de comunicação do espetáculo.

Atuação: Nathália Marçal
Encenação: André Paes Leme
Cenário e figurino: Ronaldo Fraga
Preparação corporal e direção de movimentos: Marcia Rubin
Desenhos de Luz: Renato Machado
Trilha sonora: Pedro Veríssimo
Preparação Vocal: Rose Gonçalves
Produção: Tatyana Rubim


Serviço “Por Parte de Pai”
Local - Teatro Alterosa (Av. Assis Chateaubriand, 499 – Floresta) 
Dias e horários - 28 e 29 de junho (quinta às 20h e sexta às 21h)
Preço  - R$5 inteira e R$2,50 meia

Sábado acontece a festa “Arraiá In Hell”! O Muza sorteia corteZias!

Loading


Bee! No próximo sábado, 30 de junho, acontece o “Arraiá In Hell”, na Mary In Hell!  Para isso, os produtores informam que haverão muitas novidades típicas, como:  Pipoca, Saquinhos de amendoim, Pescaria, Altar especial de Santo Antônio para pedidos de casamento e Vale beijos (cortesia de Ahndré Cuervo). Tudo isso ao som de muita música pop! Ah! Quem for a caráter vai ganha um drink!


A “Quadrilha de DJs” será composta por Lugh, Thiago Pacheco (Cutuca), Vitor Zucarelli (Vegas), Peterson Sandrey, Derick Castro vs Jessi Carvalho, e um duelo Muza: euZito, Valmique x Becha Má! Isso mesmo! ;)


A  entrada é R$ 15,00 para os 100 primeiros! Após, R$ 20,00 de entrada. A Mary In Hell fica na rua Tomé de Souza, 470, Savassi, esquina com a Professor Morais.

Quer ganhar cortesia para a festa? Siga o Muza no Twitter e Facebook!

É isso mesmo! O  Muza sorteia 2 pares de cortesias (duas entradas off) para a festa “Arraiá In Hell” da Mary In Hell! Uma será sorteada pelo Twitter do Muza e a outra pelo Facebook do Muza. Como você pode garantir a sua? Simples! Mas você precisa seguir os passos abaixo:

1  1 - Siga o Twitter do Muza (@muzasite) e retwitte a mensagem: “Eu quero off p/ o “Arraia In Hell” da @MaryInHell! Siga o @muzasite,dê RT nesta msg e participe!

2 – curta o Facebook do Muza, entre na aba “promoções” e participe, e compartilhe a imagem da festa que está lá!

O resultado será divulgado no próprio sábado, 30 de junho, dia da festa! Quem ganhar tem que enviar o nome completo + número identidade até às 17h do próprio sábado, 30 de junho, dia da festa, para o e-mail contato@muza.com.br! Logo... fiquem ligados no horário para garantir sua off! Ok People?



Resultado promoção da festa “Arraiá In Hell”  que acontece hoje na Mary In Hell!: Emerson Camargo Guidine (Facebook) e @LauroFroes (Twitter) Nome completo + número identidade p/ contato@muza.com.br até às 18h de hoje!

Poeple! Gostaria de esclarece que a ferramenta “Sortei Me”- utilizada pelo Muza em suas promoções - está constantemente dando problemas no momento de gerar o resultado. Tanto no Facebook quanto no twitter. Talvez seja porque o Muza realiza muitas promoções... mas não podemos afirmar isso. Desta forma, o Muza irá buscar uma nova ferramenta para fazer com que as promoções sejam mais efetivas. Assim, no momento, para gerar o ganhador colocamos alguns critérios quando a ferramenta falha, como eliminar quem foi ganhador de uma promoção recente e /ou quem tenha dado mais RT ou compartilhado. Além de, obviamente, ter que curtir e/ou seguir o Muza nas redes sociais específicas. Contamos com a compreensão de todos e agradecemos a confiança.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Audiência pública na Câmara dos Deputados discutirá se psicólogos poderão “curar gays”

Loading


People! Amanhã, 28 de junho, justamente no Dia Internacional do Orgulho LGBT, será discutido na a Câmara dos Deputados discutirá, em audiência pública, a suspensão de dois dispositivos de uma resolução do Conselho Federal de Psicologia que orientam os profissionais da área a não usar a mídia para reforçar preconceitos contra os homossexuais nem propor tratamento para curá-los.
O Muza já havia adiantado esse projeto do deputado João Campos (PSDB-GO) emfevereiro deste ano. Campos é  líder da bancada evangélica na casa. A sessão de debate será realizada às 9h30 pela Comissão de Seguridade Social e Família, da qual Campos é suplente.
Em entrevista ao Estadão o deputado tenta argumentar o que não tem argumento: “Entendo que a matéria não pode ser vista apenas sob a égide de uma única classe profissional, pois alcança a sociedade de uma forma geral. O tema requer um estudo e uma análise aprofundada, levando em consideração os aspectos científicos e também sociais que o envolvem... entendo que a matéria também deve ser submetida às pessoas que desejam buscar na psicologia ajuda em virtude de dúvidas quanto à orientação sexual", completou
O que vou dizer sobre? Resumo a compartilhar com vocês uma troca de tweets entre o Muza e o Heterofobia sobre o assunto:
@heterofobia Queria entender por que um deputado evangélico se sente mais apto a discutir psicologia do que o Conselho Federal de Psicologia
@muzasite Ótimo questionamento! Aliás, queria entender também... por que algumas pessoas religiosas se sentem + aptas q qualquer outro cidadão por causa da religião que segue
@heterofobia a religião fica acima da razão. que louco isso...
Para quem não sabe, já faz 13 anos que o Conselho Federal de Psicologia (CEF) do Brasil não trata a homossexualidade como doença, através da resolução 01/99. Clique aqui e saiba mais.

Em agosto acontece a Parada do Orgulho LGBT de Contagem

Loading


People! Como sabem, em julho, no dia 22, acontece aParada do Orgulho LGBT de Belo Horizonte. Já em agosto, é vez da 8ª Parada do Orgulho LGBT de Contagem, cidade próxima à BH. O tema deste ano é “Educar na diversidade, viver sem preconceito” e será realizada no dia 5 de agosto.

A concentração para a parada vai acontecer em frente ao Big Shopping, a partir das 11h. O circuito será feito pela avenida João César em sentido ao centro de Contagem. No fim do percurso, a partir das 19h, será realizado um show de encerramento com os melhores artistas do cenário GLS mineiro.

Lady Gaga canta música inédita em show

Loading



Bee! Os little monsters podem comemorar! No show realizado hoje, em Melbourne, Austrália, Lady Gaga cantou uma nova música: “Princess Die”. Sim! Ela deve fazer parte do novo disco da Mother Monster, que segundo boatos será lançado ainda neste ano.

A nova música é coerente com boatos sobre o novo disco. Dizem que Lady Gaga está se inspirando na vida da princesa Diana. Além da possível relação com “Princess Die”, dizem que o nome do novo disco será “White Rose Thorns” (algo como “Rosa Branca com espinhos”), é mais uma referência à Diana, já que rosa branca era sua flor preferida.  Aguardemos!

Abaixo, você pode ver Lady Gaga performando  “Princess Die”. Na sequencia, a letra melancólica da nova música.


PRINCESS DIE
Leave the coffin open when I go

Leave my pearls and lipstick on so everybody knows
Pretty will be the photograph I leave
Laying down on famous knives so everybody sees

Bleach out all all the dark

I’ll swallow each peroxide shot
Someone I’ll know could love and save me from myself
Maybe I’ll just clean the shit of these fancy shoes
I’ll be a Princess Di and die with you

I wish that I was strong

I wish that I was wrong
I wish that I could cope
But I took pills and left a note

I’m hungry from an anorexic heart

I’ve been trying to tell you how I feel
But was never very smart
I’m wrapped in silks made for Egyptian queens
I’ll do it in the swimming pool
So everybody sees

Bleach out all the dark

I’ll swallow each peroxide shot
Volumes I know will love and save me from myself
Maybe I’ll just clean the shit off of these fancy shoes
I’ll be a Princess Di and die with you

Princess die

I want to see her cry
Princess die
Princess die
We want to watch her cry
Princess die

I wish that I was strong

I wish that I was wrong
I wish that I could cope
But I took pills and left a note

But I took pills and left a note

I wish that I could go in my rich boyfriend’s limo
Right after he proposed with a 16-carat
stone wrapped in rose gold

With the paparazzi all swarming around

In my Louis Vuiton white buttoned down
Oh it’s not that deep
So bob your head for another dead blonde
Who’s real prince is in heaven
She just wants to sleep

The final act of life will be my own hands to do,

I’ll be a Princess and die with you
Applaud. Approve.