terça-feira, 17 de maio de 2011

Hoje é o Dia Mundial da Luta contra a Homofobia! Veja vídeo da campanha “Rio sem Homofobia”

Loading



People! Hoje, 17 de maio, é o Dia Mundial da Luta contra a Homofobia (ódio, agressão, violência contra Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais – LGBT). Mas você sabe o motivo? O MUZA lhe informa e lhe inspira! (Só para variar um pouco, há!).


No dia 17 de maio de 1990, a homossexualidade foi retirada do Código Internacional de Doenças (CID) pela assembléia geral da Organização Mundial de Saúde, ficando provada que ela não constitui doença, distúrbio ou preversão. A data é celebrada desde 2005.


O MUZA revela outra curiosidade. No Brasil, sete cidades oficializaram a data em seu calendário oficial. São elas:Campinas (SP), Curitiba (PR), Ribeirão Preto (SP), Lauro de Freitas (BA), Rondonópolis (MT) e Cuiabá (MT).


17 de Maio também é considerado o Dia Estadual contra a Homofobia em Minas Gerais. O Projeto, aprovado em 2007, que oficializou a data no estado, é da deputada Jô Morais (PC do B) e foi articulado pelo Centro de Luta pela Livre Orientação Sexual (Cellos) de BH.


Em 2010, após publicação no Diário Oficial da União, o dia 17 e maio passou a ser considerado no Brasil o Dia Nacional de Luta contra a Homofobia. O decreto foi assinado pelo então presidente Lula.


EM TEMPO 1: A II Marcha Nacional contra a Homofobia acontece amanhã, em Brasília. Um dos objetivos é chamar a atenção para a aprovação do projeto de lei complementar (PLC) 122/06 que visa à criminalização da homofobia. A concentração será em frente a Catedral Metropolitana da capital federal. Além dos militantes LGBT de todo o pais, está previsto sair 5 ônibus de Minas Gerais, haverá a presença do Conselho Federal de Psicologia e do Sindicato dos Professores.

EM TEMPO 2: O governo do Rio de Janeiro lançou hoje um vídeo da campanha “Rio Sem Homofobia”. Abaixo, você pode vê-lo na íntegra. O slogan da campanha é “Um lugar tão maravilhoso como o Rio não combina com a homofobia. Respeite Lésbicas, Gays,Bissesuxais, Travestis e Transexuais.” Esta é a primeira vez que uma campanha contra a homofobia é realizada e assinada por um Estado em toda a América Latina. Além do vídeo outras ações e peças gráficas da Campanha serão disponibilizadas. Ahazô!