sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Conheça campanha contra LGBTfobia no carnaval de BH

Loading



Na véspera de carnaval foi divulgada a Campanha da Secretaria de Segurança Pública (SESP) do Governo de Minas Gerais contra o Preconceito e Discriminação a População de LGBT.  Fique atento as dicas nas imagens acima e abaixo ou anote:

Núcleo da Polícia Civiil que recebe denúnicas de LGBTfobia fica localizado endereço: rua Bernardo Guimarães, 1571, bairro Funcionários (BH)

OU

Ligue 100 - caso seja vítima de alguma violência em razão de sua orientação sexual ou identidade de gênero, registre a ocorrência na unidade policial mais próxima. 

OU AINDA

Denuncie conedh@social.mg.gov.br ou pelo telefone (31) 3270-3280 caso algum estabelecimento comercial discriminar pessoas em razão de sua orientação sexual ou identidade de gênero, o local pode receber multa de até R$ 50 mil e ser interditado.

EM TEMPO: É possível fazer um registro online de casos de LGBTfobia no Carnaval de BH por meio de formulário eletrônico. Uma iniciativa do coletivo artístico Beijo no seu Preconceito em parceria com a Frente Autônoma LGBT, os blocos de rua LGBTIQ, e o Conselho de Regional de Psicologia MG – CRP-MG. 




Iniciativa cria registro online para casos de LGBTfobia no Carnaval de BH

Loading


O coletivo artístico Beijo no seu Preconceito em parceria com a Frente Autônoma LGBT, os blocos de rua LGBTIQ, e o Conselho de Regional de Psicologia MG – CRP-MG, criaram um formulário, para registrar os casos de violações ocorridos durante o Carnaval BH 2017.   “Queremos registrar todas as violências contra LGBTIQ, para que nada seja invisibilizado... Ajude-nos a construir um carnaval sem preconceito, com mais respeito e empatia.”, diz o comunicado oficial:

Então se liga: em meio à folia, aconteceu alguma coisa imprópria ou inadequada, que tem relação com sua orientação sexual ou identidade de gênero? Registre o caso de LGBTfobia nesse formulário clicando aqui  pra que seja possível descobrir e denunciar as violências e os preconceitos ocorridos durante o carnaval. 

Toda denúncia é importante. Se você não se sentir segura, não se preocupe, faça a denúncia de forma anônima e deixe esses campos que não são obrigatórios (sem o *) vazios. Essa informação, mesmo que anônima, já servirá para não deixar a violência sofrida invisibilizada e entrará para nosso relatório. Todavia, se você quiser ir além e deseja que a denúncia seja encaminhada para a polícia e outros órgãos oficiais, será preciso de suas informações.

O comunicado oficial diz ainda: 

O carnaval de BH segue crescendo, cada ano as ruas são ocupadas por mais corpos bonitos e suados na folia. Queremos que as ruas e o carnaval sejam espaços onde caibam todos, todas e todes, numa maravilhosa harmonia, sem nenhum tipo de preconceito.

Infelizmente, a violência contra LGBTIQ tem crescido e é possível que isso apareça no carnaval. A prefeitura, o governo de Minas e demais órgãos não tem agido efetivamente para coibir essa violência no dia-a-dia, muito menos no carnaval. Frente a isso 

E aproveitamos pra fazer um convite a todas foliãs e foliões, aos blocos, à cidade: por um carnaval sem preconceitos e onde caiba todo mundo, vem com a gente! Estaremos nas ruas nos divertindo, com nossos corpos em festa. E, se reclamar, estaremos a postos pra fazer revolução, pois como diria Bethânia: “Não mexe comigo, que eu não ando só!”

No carnaval de BH terá as Noites Devassas com drag queens e gogo boys

Loading

O Carnaval de BH tem tudo para ser bem gay friendly e uma das atrações LGBTQI fixas nas noites será as “Noites Devassas”.  Abaixo a relação completa. Programe-se!

"Vai ter muita coisa boa acontecendo a partir das 23h no Soleá, em frente ao Fogo de Chão! Teremos a presença ilustre das apresentadoras Kayete, da BH FM e Nayla Brizard. 

Acompanhando as divas, teremos mais shows de drags, show de pole dance, gogo boys, desafios e brindes, e com certeza, muita animação nas noites de carnaval!"

18/02 (sábado) • NOITE MINAS COM BAHIA 
Apresentação com Kayete da BH FM
Ϟ SHOW: Kayete
Ϟ LINE UP: Desirée Dandelion

24/02 (sexta) • GRITARIA DE CARNAVAL
Bloco Carnavalesco Lavô Tá Novo
Ϟ SHOW: Kayete
Ϟ LINE UP: Sarah Nicks 

25/02 (sábado) • NOITE SELVAGEM 
Apresentação com Lua Ty | Palco aberto | Desafios Selvagens com premiações e sorteios
Ϟ SHOW: Desirée Dandelion
Ϟ LINE UP: Safira Dandelion

26/02 (domingo) • NOITE DAS MÁSCARAS
Apresentação com Lua Ty | Concurso de fantasias com premiações
Ϟ SHOWS: Bélgica e Safira Dandelion
Ϟ LINE UP: Luiz Bukzem 

27/02 (segunda) • NOITE DEVASSA
Apresentação com Lua Ty
Ϟ SHOWS: Scarllet, Marceluda (poledance), Gogo Boys
Ϟ LINE UP: Sarah Nicks 

28/02 (terça) • RAINHA DA NOITE
Apresentação com Lua Ty | Concurso de Dublagem com júri especial
Ϟ SHOW: Nayla Brizard
Ϟ LINE UP: Safira Dandelion

04/03 (sábado) • NOITE MOULIN BLUSH
Ϟ SHOWS: Nayla Brizard, Kayete e Draglivery (tequilaria)
Ϟ LINE UP: Gabriela Dominguez

Serviço
Noites Devassas
Datas: de 24 de fevereiro a 4 de março. 
Horário: sempre a partir das 23h
Local: Soleá Tablao Flamenco (rua Sergipe, 1199, Savassi, BH)
Ingressos: de R$ 10 a R$50 - clique aqui para comprar

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Heroínas e vilãs de HQs como boys magia? Tumblr faz arte possibilidade.

Loading



Um Tumblr com o nome de “ZachArt” tem chamado a nossa atenção recentemente. O motivo? Ele criou imagens de homens sarados e afeminados, no melhor estilo boy magia, no lugar das heroínas e vilãs de Histórias em Quadrinhos que nós, gays, amamos e que quem não é também ama, certo? Assim, veja acima e abaixo as versões boys magia de Mulher Maravilha, Tempestade, Vampira, Mulher Gato, Arlequina... dentre outos ícones femininos das histórias em quadrinho. 

No Tumblr, que dá a entender ser de autoria de um tal de “Zachary Is Wackary”, também é possível ver outros trabalhos artísticos, com outros ícones femininos como Lady Gaga e a Princesa Lea, mas também com ícones masculinos e artes homoeróticas.







terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Polêmica: segundo colunista, em show, Anitta disse “Eu sou a cura gay”

Loading

Anitta foi a responsável pelo show do badalado baile da revista  Vogue Brasil, mas esta semana uma declaração no mínimo polêmica da cantora vem repercutindo. Segundo o colunista do O Globo, Cléo Guimarães, durante o show,  a cantora declarou: 

“Eu sou a cura gay, tá sabendo, né?... Esses veados vão todos para o meu bloco! Babado!'. O pessoal adorou.  

Anitta teria dito mais de um vez ser a cura gay durante o show. Até o momento a cantora não se pronunciou sobre a notícia do colunista.  Muitos militantes LGBT estão criticando a fala da cantora, que é musa de muitos LGBT inclusive, por ela, mesmo que por brincadeira, não deveria fazer esse tipo de declaração por servir como uma espécia de apoio a projetos de leis  de “cura gay” que já foram absurdamente e inacreditavelmente pautados na política brasileira.

Abaixo, você pode ver um compilado do show da cantora no Baile da Vogue. Anitta também tem sido destaque na mídia pela participação na música e videoclipe do Nego do Borel, “Você partiu meu coração”, que também tem participação do Wesley Safadão, que você pode ver na sequência abaixo. 





segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Veja o novo e belo videoclipe da Lana Del Rey

Loading


Lana Del Rey não está morta mesmo! Pouco tempo havia divulgado sua  nova música no final de semana, já está disponível o videoclipe de “Love”. 

O vídeo é belíssimo, com aquela atmosfera noir característica da cantora, mas desta vez, com viagens intergalácticas com direito a Lana Del Rey cantando na lua. Isso mesmo!

Tudo muito lindo! Fotografia linda e Lana cada vez mais linda, sexy e sorridente! ;)

Essa é a primeira música que deverá fazer parte do disco sucessor de “Honeymoon”, de 2015. A composição é da própria Lana em parceria com Benjamin Levin, Emile Haynie e Rick Nowels.

Clique aqui e relembre o show da Lana Del Rey em Belo Horizonte em 2013.


Estudo britânico revela que 1 em 4 gays contraíram alguma DST com o namorado

Loading

A revista  britânica FS, especializada em saúde e sexo para os LGBT, revelou em um estudo feito com 1097 homens gays que: 23% afirmam ter contraído algum tipo de DST (doença sexualmente transmissível) enquanto estavam em um relacionamento estável. Isso mesmo!

Entre as DST contraídas com o então parceiro, 38% adquiriu Clamídia, 36% gonorreia e 24% HIV.  Ainda de acordo com a pesquisa, 41% não usavam camisinha por confiar no parceiro. 

Segundo Ian Howley -  CEO  da de uma organização voltada à saúde de homens gays no Reino Unido, a GMFA – o resultado mostrado na pesquisa reflete a falta de educação sexual recebida pelos gays: 

“É bem claro através desse estudo perceber que homens gays não estão recebendo educação sexual básico como homens heterossexuais recebem... Nós crescemos em um mundo heterossexual onde relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo não são percebidos no dia a dia... nós não estamos ensinando nossos jovens gays sobre relacionamentos estáveis e saudáveis”.